Menu
Busca quinta, 22 de outubro de 2020

Agência europeia cria grupo de especialistas para estudar vacina contra o Zika

09 fevereiro 2016 - 09h30Por Agência Brasil
A Agência Europeia do Medicamento anunciou hoje (8) a criação de um grupo de peritos sobre o vírus Zika para acelerar o desenvolvimento de vacinas contra o vírus que está na origem de uma epidemia na América Latina.


“Não existe atualmente qualquer vacina ou tratamento capaz de proteger ou tratar a infeção pelo vírus, seja aprovado [pelas autoridades sanitárias] ou em fase de ensaios clínicos”, informou a agência europeia em comunicado.

O objetivo do grupo é permitir a pesquisa de medicamentos contra o vírus Zika, por meio de pareceres sobre as questões científicas e regulamentares. A agência vai contatar as sociedades farmacêuticas que já começaram a trabalhar em tratamentos ou vacinas e rever todos os novos dados sobre o vírus para permitir uma reação rápida à crise de saúde pública.

A decisão ocorre depois que a Organização Mundial de Saúde (OMS) classificou, na última semana, a epidemia de “emergência de saúde pública de alcance mundial”. Transmitido pela picada do mosquito Aedes aegypti, as autoridades sanitárias suspeitam que o Zika seja a causa de numerosos casos de deformações congênitas em bebês cujas mães foram contaminadas durante a gravidez.

O Brasil é atualmente o país mais atingido no mundo pela epidemia de Zika, com 1,5 milhão de infectados, seguindo-se a Colômbia, com 22.600 casos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Ipea revisa para cima projeção do PIB do agronegócio
JUSTIÇA
Júri de sobrinho acusado de matar tio pelas costas será nesta sexta-feira
ECONOMIA
Receita abre amanhã consulta ao lote residual de restituição do IRPF
JUSTIÇA
Fux diz que atuação do STF na pandemia está na vanguarda mundial