Menu
Busca sexta, 04 de dezembro de 2020

Campanha de divisão do Pará vira ‘ringue’

Campanha de divisão do Pará vira ‘ringue’

07 dezembro 2011 - 16h40
Agencia Estado


Os grupos separatistas que defendem a criação dos Estados de Carajás e Tapajós comemoraram discretamente a atitude do governador do Pará, Simão Jatene (PSDB), que ontem voltou a se colocar no centro do debate político sobre a divisão do Estado, tema que será alvo de plebiscito no próximo domingo.

Jatene, que obteve direito de resposta no horário de propaganda das frentes separatistas, apareceu em rede estadual de rádio e TV fazendo críticas indiretas ao marqueteiro Duda Mendonça, que comanda a propaganda do "sim", pela divisão do Pará. Sem citar nomes, o governador disse que "vendedores de ilusões sem identidade" tratam o povo paraense como "galos de rinha". Em 2004, Duda Mendonça chegou a ser detido pela Polícia Federal por seu envolvimento em rinhas de galo.


Nos últimos dias, diante da dificuldade de conquistar eleitores em Belém e arredores - a região mais densamente povoada do Pará -, o marqueteiro decidiu centrar críticas ao governador e associá-lo à campanha do "não". A ideia é capitalizar a rejeição que Jatene sofre na capital e na região metropolitana, levando os moradores a votar "sim" no plebiscito como forma de impor uma derrota ao governador. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
Polícia Civil recupera celular produto de apropriação de coisa achada
EDUCAÇÃO
Brasil obtém 5 medalhas em olimpíada latino-americana de astronomia
ECONOMIA
Com destaque para soja e açúcar, exportações de MS somam US$ 5,4 bilhões de janeiro a novembro
SAÚDE
Hemosul entra em estado de emergência e convoca doadores de sangue O+, A+, B+ e O-