Menu
Busca sábado, 16 de janeiro de 2021

Fernanda Young fala pela primeira vez da filha com necessidades especiais

16 agosto 2012 - 14h30
G1


No palco do Encontro, a escritora Fernanda Young falou pela primeira vez sobre o problema da filha Catarina, de quatro anos. "Ela nasceu com uma doença congênita e tem hidrocefalia. Ela já operou duas vezes para colocar válvula.

Quando a gente é agraciado pela sorte de ter um filho especial é porque nós somos abençoados e somos capazes. Ela é uma menina muito inteligente. Foi uma bênção porque foi descoberto por milagre. Foi intuitivo, ela não chegou a convulsionar, eu percebi que ela tinha alguma coisa cedo. Eu estou escutando que é bom falar, mas eu nunca falo para não parecer que é um tipo de apelo", contou.

Fernanda faz questão de deixar o papel de coitadinha de lado. "A Catarina tem o sistema cognitivo muito avançado. Como ela ficou restrita nos movimentos, ela é muito envolvente, manipuladora demais. O que eu ensinei lá em casa é que não tem coitadinha. No início, a casa ficou muito codependente da dor dela e eu tive que lidar com isso e coloquei logo no colégio”, contou.

Isabel Fillardis, que também tem um filho com necessidades especiais, apoiou a escritora. “Você fez muito bem de ter falado. Tem que falar mais, não é apelativo. Eu também achava que seria, mas é que a gente passa por tanta dificuldade. Recentemente, eu recebi o depoimento de uma mãe e foi marcante porque eu senti tudo o que ela sentiu. Eu senti vergonha, senti inveja das outras mães porque tinham os filhos normais. E agora eu posso falar porque eu já senti. Tem muita mãe e pai ouvindo a gente em casa”, disse a atriz.

O filho de Isabel Fillardis, Jamal, de 9 anos, tem uma síndrome rara que compromete o desenvolvimento, a chamada Síndrome de West. “A gente descobriu quando ele tinha 5 meses. Começamos a fazer várias terapias com ele. Agora ele está na escola, mas não foi fácil. Não é fácil matricular nossos meninos na escola. Entendo o lado do ensino, mas se a gente não se ajudar e se o ensino não estiver disposto a recebê-los, não vai acontecer”.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CUIDADO
Janeiro Branco e os cuidados com saúde emocional em meio a uma pandemia
SELVÍRIA
Paulista é autuado por derrubada de árvores e incêndio ilegal da vegetação nativa
CORONAVÍRUS
Em 24 horas MS registra 1.316 exames positivos de Covid-19 e 13 mortes
JUSTIÇA
Senacon adotas medidas para combater comércio de vacinas falsificadas