Menu
Busca domingo, 17 de janeiro de 2021

Hackers divulgam mais de 1 milhão de dados de usuários da Apple

04 setembro 2012 - 10h50Por Fonte: Terra


O grupo hacker AntiSec declarou nesta terça-feira que divulgou mais de 1 milhão de Apple Unique Device Identifiers (UDIDs) que teriam sido obtidas com a invasão de um computador do FBI. De acordo com o site The Next Web, os hackers declaram que têm mais de 12 milhões de IDs, bem como dados pessoais de usuários, incluindo nome, números de telefone e endereços.

As UDIDs são códigos que dispositivos da Apple têm e que possibilitam o rastreamento dos hábitos de uso dos donos dos aparelhos.

De acordo com o AntiSec, a invasão ocorreu na segunda semana de março. Uma vulnerabilidade em Java permitiu o aceso aos dados de um notebook utilizado por um agente especial de uma unidade regional de tecnologia do FBI.

A intenção do grupo, diz o The Next Web, era chamar a atenção para a suspeita de que o FBI esteja usando esses dados para rastrear os hábitos dos cidadãos.
Pedido inusitado

O FBI não comentou o caso, informa o The Next Web. Já o AntiSec declarou que só volta a se pronunciar sobre o assunto depois que um redator do Gawker, outro portal de notícias americano, aparecer vestido de bailarina na página principal do site.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CUIDADO
Janeiro Branco e os cuidados com saúde emocional em meio a uma pandemia
SELVÍRIA
Paulista é autuado por derrubada de árvores e incêndio ilegal da vegetação nativa
CORONAVÍRUS
Em 24 horas MS registra 1.316 exames positivos de Covid-19 e 13 mortes
JUSTIÇA
Senacon adotas medidas para combater comércio de vacinas falsificadas