Menu
Busca terça, 31 de março de 2020

Ursinho Pooh é fêmea, revela escritora em novo livro infantil

Ursinho Pooh é fêmea, revela escritora em novo livro infantil

11 novembro 2015 - 08h00Por G1
Após a empresa Sanrio divulgar que a Hello Kitty não é uma gata, um outro fato do universo infantil foi revelado nesta segunda-feira (9).

Segundo o site Huffington Post, Winnie the Pooh, também conhecido como Ursinho Pooh ou Puff no Brasil, é fêmea, havendo uma diferença entre o personagem dos desenhos e o urso original, diz a escritora Lindsay Mattick.

O melhor amigo do órfão Cristóvão (ou Christopher Robin no original) ganhou o nome Winnie the Pooh por causa de uma ursa preta chamada Winnie, que viveu em um zoológico de Londres. Toda a história da origem de Pooh é descrita no livro "Finding Winnie: The True Story of the World’s Most Famous Bear", que Lindsay acaba de lançar.

Lindsay Mattick é bisneta do tenente Harry Colebourn, um veterinário que comprou a filhote Winnie durante a Primeira Guerra Mundial. O nome da ursa foi uma homenagem à cidade canadense de Winnipeg. Winnie se tornou a mascote não-oficial do regimento de Colebourn, mas, quando ele teve que ir para a França com sua unidade, ele a deixou no zoológico de Londres.

Lá, Winnie era frequentemente visitada por um garoto chamado Christopher Robin. O menino amava tanto Winnie que deu o nome dela a seu próprio urso de brinquedo. O pai de Christopher Robin era o escritor Alan Alexander Milne, autor das histórias de Winnie the Pooh.

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍCIA
Marido tenta agredir esposa ao saber que ela não tinha dinheiro para comprar pinga
PREVENÇÃO
Opas defende isolamento social como melhor opção de combate à covid-19
COVID-19
Corpo da primeira vítima de coronavírus em MS é liberado para enterro; funerária diz que não haverá velório
BRASIL
Receita libera entrada de 500 mil testes de Covid-19 em tempo recorde