Menu
Busca domingo, 17 de janeiro de 2021

Vendas de carros em junho fecham com 340,7 mil unidades

03 julho 2012 - 14h30
G1


As vendas de carros subiram 24,18% em junho na comparação com maio, informou a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) nesta terça-feira (3). Segundo a entidade, este é o melhor mês de junho da história do setor automobilístico. Os resultados refletem o desconto no Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), determinado pelo governo federal no último dia 21. A redução do imposto valerá até 31 de agosto.

Em junho foram emplacados 340.706 automóveis e comerciais leves, alvos da medida, contra 274.368 em maio. Sobre o mesmo período do ano anterior, que teve 286.912 unidades vendidas, a alta em junho foi de 18,75%. No acumulado do ano, as vendas de carros chegaram a 1.632.483 unidades, número 0,33% inferior a 2011, quando foram alcançados 1.637.899 carros no mesmo período. O primeiro semestre do ano passado foi o melhor da história. Já, em 2012, as vendas de carros atingiram a segunda melhor marca semestral da história.

Veículos

Considerando também ônibus e caminhões, as vendas totais de veículos subiram 22,8% sobre maio. Foram emplacados 356.201 veículos contra 287.471 no mês anterior. De janeiro a maio, houve queda de 1,17% no acumulado, passando de 1.737.099, em 2011, para 1.716.714, em 2012.
Segmentos em queda

Dentre os veículos, apenas os carros e comerciais leves apresentaram crescimento. Em junho, foram vendidos 10.689 caminhões, frente a 10.792, em maio, registrando queda de 0,95%. No acumulado dos seis primeiros meses, a queda nas vendas foram de 16%, com as 69.543 unidades de 2012 frente às 82.821 de 2011.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Técnicos da Anvisa recomendam uso emergencial da vacina de Oxford
EDUCAÇÃO
Enem 2020: confira hoje a correção das provas ao vivo
BRASIL
Mesmo com vacina, vitória sobre coronavírus passa por 'mudança de comportamento social'
Antônio Barra Torres deu declaração ao abrir reunião da Anvisa que analisa pedidos de uso emergencial de duas vacinas contra Covid-19
SAÚDE
Ocupação de leitos em UTI Covid continua alta nas cinco macrorregiões do Estado