15/05/2017 22h24

Atlético Goianiense é goleado fora de casa na estreia do Brasileirão

 

Com o pé esquerdo. Pode-se dizer que foi assim que o Atlético Goianiense estreou no Campeonato Brasileiro Série A. Diante do Coritiba, no estádio Couto Pereira, o Dragão foi goleado por 4 a 1 na noite desta segunda-feira (15/5), fechando a primeira rodada da competição.

Tomas Bastos duas vezes em belas cobranças de falta, Henrique Almeida e Neto Berola marcaram para o Coxa. Já o gol do Atlético Goianiense foi assinalado pelo estreante Walter. O atacante atleticano estava sem jogar desde o dia 20 de fevereiro.

Ele e Eweraldo se salvaram das críticas ao clube goiano no vexame como visitante. A zaga e o goleiro Kléver, que falhou em dois gols, foram os pontos negativos do Atlético na partida. Do outro lado o recém-chegado meia Tomas Bastos roubou a cena após substituir Anderson, que saiu do jogo lesionado ainda no primeiro tempo.

Com o placar o Dragão ocupa a 17ª posição na tabela. O próximo desafio da equipe será em casa, no Serra Dourada, mas diante de uma pedreira. O Dragão irá pegar o Flamengo no próximo sábado (20) às 19h. O Coritiba, por sua vez, ocupa a 4ª colocação e jogará no mesmo dia, só que às 16h, na Vila Belmiro contra o Santos.

O Jogo O Coritiba mostrou logo que não iria dar espaço para qualquer investida do Atlético Goianiense. Fez marcação pressão na saída de bola goiana e dominou as ações no meio de campo. Assim, as chances foram surgindo e os gols, com a ajuda do goleiro Klever, saíram após a primeira meia hora de partida.

Aos 31 minutos, Henrique Almeida recebeu na área, pela esquerda, e chutou rasteiro por baixo das pernas do arqueiro. Aos 34, foi Neto Berola que marcou em um chute forte de fora da área, que Klever deixou a bola passar pelas suas mãos.

Na segunda etapa, o Atlético Goianiense tentou ser um pouco mais objetivo no ataque e conseguiu diminuir com o centroavante Walter, que mesmo visivelmente um pouco acima do peso ideal marcou um belo gol de primeira, aos 17 minutos.

Só que os goianos não esperavam uma estreia brilhante do meia Tomas Bastos. Foram dois belos gols de falta, aos 20 e aos 25, que acabaram com qualquer esperança do time de Goiânia de voltar para casa com ao menos um ponto na bagagem.

Redação

Anuncie | Contato | Expediente | Política de Privacidade

Este material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído. Copyright 2011 © Conesul News - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por: Lobo Tecnologia&Internet