Menu
Busca quarta, 01 de abril de 2020
Polícial

Cabeleireiro é preso por levar cachorro e extorquir casal para devolver

18 novembro 2015 - 12h38Por Fonte: midiamax
O cabeleireiro Roberto de Oliveira Benites Filho, 25 anos, conhecido como Bocotó, foi preso depois de participar do furto de um cachorro e tentar extorquir os donos do animal no Residencial Oiti, região leste de Campo Grande. A vítima de 38 anos teve prejuízo de R$ 1 mil.

Segundo a Polícia Civil, o animal da raça Shih-tzu foi furtado nesta segunda-feira (17) na frente da casa da namorada. Um homem em um carro branco desceu e pegou o cachorro. Após o furto, o casal espalhou cartazes pelo bairro e oferecia recompensa para quem encontrá-lo.

A dona do Shih-tzu ainda chegou a entregar o panfleto para um dos comparsas de Roberto sem saber que ele tinha furtado o animal. O cachorro foi entregue aos donos que pagaram a recompensa.

Na tarde desta terça-feira, Roberto ligou para as vítimas e pedia mais dinheiro. Ele pediu mais R$ 350 pelos gastos com o animal. Então, o dono do cão procurou a polícia para denunciar a extorsão.

A polícia armou uma situação e Roberto foi preso em flagrante no momento que pegava dinheiro das vítimas. Roberto disse foram dois conhecidos, identificados como Maikon e Carina, que furtaram o animal. Ele não soube informar onde os comparsas moravam e eles não foram localizados.

Os policiais encontraram com ele o panfleto com os telefones de contatos das vítimas. O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga como extorsão qualificada.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Paraguai fecha estradas para evitar disseminação do coronavírus
ECONOMIA
Banco prorroga prazo para pagar parcelas do FCO Empresarial
EDUCAÇÂO
Suspensão das aulas presenciais na Rede Estadual é prorrogada até o início de maio
SEM SINTOMAS
Quase metade das confirmações de coronavírus em MS já finalizou quarentena