Menu
Busca sexta, 18 de janeiro de 2019
(67) 9.9973-5413
SAÚDE

Com recursos do Estado, Corumbá terá novo Pronto-Socorro e mais leitos

08 novembro 2018 - 16h43Por Da redação

A construção de um novo Pronto-Socorro e Enfermaria com recursos do Governo do Estado em uma área de 3.661 metros quadrados, totalmente equipado para atendimento de urgência e emergência, mudará radicalmente o padrão de assistência médico-hospitalar em Corumbá. O município tem uma grande demanda de pacientes da região de fronteira e não contava com suporte clínico para oferecer qualidade de serviços à população carente.

Os investimentos ampliam a estrutura da Santa Casa local, único hospital de uma região de 150 mil habitantes (inclui o município de Ladário e os municípios fronteiriços da Bolívia). O Pronto-Socorro será edificado na esquina das ruas América e Sete de Setembro, com salas de emergência e ambulatório, enfermaria, receptivo e triagem. Ao lado, será construída a unidade com 30 leitos. A ordem de serviço da obra foi assinada pelo prefeito Marcelo Iunes.

Melhor estrutura em saúde

Em visita à cidade no dia 5 de novembro, o governador Reinaldo Azambuja reafirmou seu compromisso com a região de transformá-la em um polo regional de saúde com estrutura para atender a média e alta complexidade. Ele lembrou que a proposta inicial da sua gestão, em 2015, era construir um novo hospital em Corumbá, porém ficou definido, em discussão com a sociedade local, o projeto de revitalização e reconstrução do Hospital de Caridade.

Segundo o secretário municipal de Saúde, Rogério Leite, Corumbá passará a contar com uma estrutura hospitalar que nunca teve em seus 240 anos. Ele destacou o compromisso e a determinação do governador Reinaldo Azambuja em investir na saúde pública da região. “São obras e equipamentos que vão possibilitar uma melhora extraordinária tanto na parte de condições de trabalho para os profissionais e em especial à população”, disse.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Contas públicas devem ficar negativas em R$ 102,385 bilhões
GERAL
BNDES explica nesta sexta-feira o modelo de apresentação dos 50 maiores contratos
MARACAJU
Homem é preso com cinco espingardas contrabandeadas do Paraguai
ECONOMIA
Índice que mede atividade da economia no Brasil recua em dezembro