11/01/2017 09h15

Estado amplia em 1,5% total de novas empresas; 2,2 mil por mês

No ano passado, houve queda na abertura de estabelecimentos

 
 
Volume de microempreendedores cresceu no ano passado - Foto: Arquivo Volume de microempreendedores cresceu no ano passado - Foto: Arquivo

Mato Grosso do Sul registra, em média, o nascimento de 2,2 mil novas empresas ao mês. A estimativa é baseada nos dados do Serasa Experian. De acordo com a pesquisa, entre janeiro e outubro do ano passado, nasceram 22.782 novas empresas , volume 1,5% superior em comparação ao mesmo período do ano passado e também superior à média nacional, que teve crescimento de 0,7%, graças, no entanto, ao comportamento dos microempreendedores individuais.

Conforme dados da Junta Comercial de Mato Grosso do Sul (Jucems), em todo o ano passado, o Estado registrou queda de 2,9% na abertura de novas empresas, fechando o ano com 5,7 mil novos empreendimentos. A instituição não contabiliza os microempreendedores individuais. Em contrapartida, o número de Meis teve crescimento médio de 16%, saltando de 82,1 mil microempreendedores, formalizados até 2015, para 95,2 mil, em 2016, 13,1 mil a mais em comparação.

Com este resultado, Mato Grosso do Sul ficou em sétimo lugar no ranking dos estados brasileiros com maior número de nascimentos de empresas. O primeiro lugar ficou com o Amapá, crescimento de 22,8%. De todas as unidades da federação, somente nove tiveram saldo positivo. Em todo o País, o número de novos empresas nascidas nos dez primeiros meses do ano teve crescimento de 4,2% em relação ao mesmo período do ano passado. Ainda conforme o Serasa Experian, foram 1,344 milhão neste ano, contra 1,290 mi entre janeiro a outubro de 2015.

Correiodoestado

Anuncie | Contato | Expediente | Política de Privacidade

Este material não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído. Copyright 2011 © Conesul News - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por: Lobo Tecnologia&Internet