Menu
Busca segunda, 18 de janeiro de 2021
Fronteira

Fronteira teve pelo menos oito mortes violentas nas últimas 24 horas

07 novembro 2016 - 13h31Por Fonte: (Com informações dos sites Capitanbado, Porã News, Conesulnews, Campogrendenews)
Oito pessoas foram assassinadas nas últimas 24 em cidades da região de fronteira. Na noite de sábado (5), Eduardo, conhecido como Mortadela, foi executado por pistoleiros, em Paranhos.

Em Ponta Porã, corpos de duas pessoas foram encontrados na manhã deste domingo (6), jogados em uma estrada vicinal no distrito de Sanga Puitã. A dupla foi executada a tiros de pistola 9 milímetros. Há indícios que os dois foram mortos por um grupo autodenominado "justiceiros da fronteira". Próximo aos corpos foi deixado um bilhete com uma máscara dizendo que as mortes seriam um recado para os que "estavam tirando a paz da população".

As vítimas foram identificadas como Matias Ariel Riveros Romero de 39 anos e o outro, um paraguaio de apenas 14 anos. Ambos tiveram as mãos e pés amarrados. Há indícios que a dupla foi sequestrada durante a noite de sábado (5) e executadas na madrugada deste domingo(6).

Em Coronel Sapucaia, dois homens foram mortos a tiros por volta das 4h da madrugada deste domingo dia 6, , na MS-159, na Vila Industrial, saída para Aral Moreira. Um dos mortos foi identificado como Oscar Rafael Figueiredo, 28 anos. No corpo dele, havia uma perfuração de arma de fogo na nuca. O outro homem, que ainda não foi identificado, morreu com tiro no peito. Ele tem várias tatuagens pelo corpo. Uma delas, no braço esquerdo escrito: 'pai e mãe, amor eterno' e, no direito, um guerreiro samurai.

Também na madrugada, Mairo Machado Flores, 25 anos, foi morto com um tiro no tórax. A suspeita é de que ele tenha sido vítima de latrocínio, roubo seguido de morte. Segundo informações policiais, a moto da vítima, uma Honda CG 150 Fan vermelha, foi levada pelo suspeito. No local, foram encontrados apenas os documentos da motocicleta e o capacete de Mairo. O crime ocorreu próximo a Prefeitura.

Por volta das 21h30 de sábado (5), em Sete quedas, duas pessoas foram baleadas a tiros de pistola 9 milímetros, em uma casa, na Rua Garça, no Centro de Sete Quedas. Rogério Costa, 30 anos, foi socorrido mas morreu no Hospital Municipal. Israel Quaresma, 36 anos, também foi atingido.

Uma testemunha contou que consumia bebida alcoólica junto com as vítimas, quando se levantou para ir ao banheiro, escutou os tiros vindos da sala onde estavam Rogério e Israel. A testemunha não soube dizer quantos tiros foram realizados. Rogério foi encontrado caído no banheiro da residência.

Os dois amigos foram socorridos até a unidade de saúde, mas Rogério não resistiu. Já o estado de saúde de Israel não foi informado. No local, foram encontrados quatro capsulas de calibre 9 milímetros. A testemunha disse a polícia, que não sabe o motivo do crime. A identidade do suspeito não foi informada.

Ainda na tarde de sábado (5), moradores encontraram um corpo carbonizado em Sanja Pyta, cidade vizinha a Pedro Juan Caballero, municípios paraguaios que fazem fronteira com Ponta Porã. O corpo carbonizado, aparentemente de um homem, foi encontrado por moradores em uma estrada, próxima a linha internacional. A polícia local ainda não tem informações sobre as circunstâncias da morte.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Pazuello: embarque de vacinas da Índia deve ter solução esta semana
POLÍCIA
Veículos com cigarros e agrotóxicos contrabandeados do Paraguai foram apreendidos pelo DOF
CORONAVÍRUS
Vacina chega a Mato Grosso do Sul e distribuição aos municípios começa ainda hoje
ECONOMIA
Litro da gasolina sobe R$ 0,15 nas refinarias da Petrobras