Menu
Busca sábado, 16 de janeiro de 2021
Itaquiraí

Garotos confessam que mataram jovem após relações sexuais com ele

Garotos confessam que mataram jovem após relações sexuais com ele

17 novembro 2016 - 08h30Por Campograndenews
Garotos de 13, 14 e 17 anos confessaram que mataram Edvaldo Miott, 30 anos, após manter relações com a vítima, no domingo (12). Os adolescentes estão apreendidos na delegacia de Itaquiraí – distante 410 quilômetros de Campo Grande, onde ocorreu o crime.

Conforme informações da polícia, os garotos não relataram o motivo do crime. Disseram apenas que mantiveram relações sexuais com a vítima, ingeriram bebida alcoólica, e depois cometeram o crime. Há suspeitas de que um quarto garoto, de 17 anos, esteja envolvido na morte, no entanto, ele permanece solto.

Mensagens encontradas no computador de Edvaldo mostram que os garotos toparam encontrá-lo. Inclusive, pelas conversas, o motivo do encontro seria sexual, conforme a polícia.

Edvaldo era homossexual assumido, segundo a polícia. Já os garotos, todos vizinhos da vítima, disseram que não são homossexuais. O caso segue em segredo de Justiça e será investigado como latrocínio, roubo seguido de morte.

Assassinato brutal - Edvaldo foi encontrado morto em uma residência no assentamento Sul de Bonito, em Itaquiraí, distante 410 quilômetros de Campo Grande. O crime ocorreu neste domingo (12), depois de a vítima marcar um encontro com os garotos pela internet. O corpo da vítima foi achado na cozinha caído ao lado do fogão, próximo a porta do imóvel.

O rapaz foi assassinado a golpes de pauladas na cabeça. Ao lado do corpo, havia vários pedaços de madeira que foram usados no crime. Na parede da cozinha e no fogão tinha manchas de sangue, inclusive a marca de uma mão.

À polícia, a mãe do jovem contou que o filho saiu por volta das 13h de sábado, para ir até o sitio da família e até a manhã de domingo não tinha retornado.

O crime começou a ser desvendado, após o veículo VW Gol branco, que a vítima conduzia, ser localizado abandonado em uma estrada vicinal do assentamento. O automóvel estava com a chave na ignição, com o para-choque danificado, sem a placa frontal e com radiador furado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CUIDADO
Janeiro Branco e os cuidados com saúde emocional em meio a uma pandemia
SELVÍRIA
Paulista é autuado por derrubada de árvores e incêndio ilegal da vegetação nativa
CORONAVÍRUS
Em 24 horas MS registra 1.316 exames positivos de Covid-19 e 13 mortes
JUSTIÇA
Senacon adotas medidas para combater comércio de vacinas falsificadas