Menu
Busca segunda, 26 de outubro de 2020
Capital

Motociclista morre depois de bater na traseira carreta estacionada

Motociclista morre depois de bater na traseira carreta estacionada

21 junho 2016 - 10h00Por Fonte: Midiamax
Um motociclista de 43 anos morreu na noite desta segunda-feira (20), depois de bater na traseira de uma carreta que estava estacionada na Rua Salomão Abdala, na região do Bairro Rita Vieira, em Campo Grande.

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, por causa da falta de iluminação no local, o condutor estava em uma XL 125 DUTY, placas HQO 5366 E não viu a carreta que estava parada no local depois de apresentar problemas mecânicos. Com o impacto da batida, o corpo do homem que morreu na hora foi arremessado a cerca de três metros de onde a moto estava.

O motorista da carreta que não quis se identificar disse que estava estacionado no local desde as 16 horas e que tinha a intenção de dormir no lugar, já que o mecânico que tentou consertar o veículo não conseguiu concluir o serviço.

Ele contou ainda que alguns galhos colocados atrás da carreta sinalizavam a presença do veículo, porém, por causa da falta de iluminação a indicação não foi suficiente para evitar o acidente.

Familiares do motociclista estiveram no local. Em estado de choque alguns não quiseram falar com a imprensa e não autorizaram que o nome da vítima fosse divulgado.

Paulo Santos, de 55 naos, morador da região, disse que horas antes do acidente passou no local e quase bateu a moto que pilotava na carreta parada. Ele afirma que a escuridão do local já era o anúncio de uma fatalidade. "Era para ser eu no lugar deste homem que morreu. A escuridão aqui impossibilita a gente de ver qualquer coisa", conta.

Na extensão da Rua Salomão Abdala não existe iluminação pública. A via é usada por diversos motoristas e motociclistas, pois dá acesso da Rua Interlagos à Avenida Guaicurus.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORONAVÍRUS
Com mais de 131 mil análises ‘padrão ouro’, Lacen foi ferramenta essencial no enfrentamento à Covid-19
ECONOMIA
Caixa paga 2ª parcela de R$ 300 da extensão do auxílio emergencial
EMPREGO
Técnico de enfermagem e agente de viagem estão entre as 1,4 mil vagas de emprego disponíveis na Funtrab
TEMPO
Semana começa com aviso do Inmet para chuvas intensas em Mato Grosso do Sul