Menu
Busca domingo, 17 de janeiro de 2021
Mundo Novo

Mulher é feita refém pelo ex em mata e consegue fugir depois de 3h

Ela pediu socorro à polícia assim que aparelho celular deu sinal

29 outubro 2016 - 09h45Por Correiodoestado
Mulher de 34 anos foi feita refém por cerca de 3h pelo ex-marido, na madrugada de hoje, em região da zona rural de Mundo Novo, divisa de Mato Grosso do Sul com o estado do Paraná. Vítima foi agredida e ameaçada de morte pelo homem, de 47 anos, que foi preso em flagrante.

Conforme o boletim de ocorrência, a mulher estava saindo do trabalho, por volta da 1h quando foi abordada pelo ex e obrigada a entrar em seu veículo, um Chevrolet Classic, de cor preta. Ele seguiu para a região de campo e a todo momento dizia que queria reatar o relacionamento, quando repentinamente, a mulher pulou do carro em movimento.

Ela foi alcançada pelo suspeito e agredida com puxões de cabelo e tapas. Um canivete, apontado para o peito da vítima, foi usado pelo homem para ameaçá-la de morte.

Novamente ela conseguiu escapar pela mata e quando o celular apresentou sinal de rede, ligou para a Polícia Militar. A ligação ao 190 caiu para a cidade de Guaíra, no Paraná, e a mulher relatou que estava sendo perseguida em uma mata pelo ex companheiro.

Equipe paranaense comunicou os militares de Mundo Novo, por volta das 4h10, e um patrulhamento seguiu para a zona rural.

No local, os policiais encontraram o suspeito no carro e quando questionado, ele não soube explicar porque estava ali. Em buscas pelas propriedades rurais, a mulher foi encontrada e encaminhada junto ao agressor à delegacia de Polícia Civil da cidade.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CUIDADO
Janeiro Branco e os cuidados com saúde emocional em meio a uma pandemia
SELVÍRIA
Paulista é autuado por derrubada de árvores e incêndio ilegal da vegetação nativa
CORONAVÍRUS
Em 24 horas MS registra 1.316 exames positivos de Covid-19 e 13 mortes
JUSTIÇA
Senacon adotas medidas para combater comércio de vacinas falsificadas