Menu
Busca segunda, 21 de setembro de 2020

Paulo Rocaro x Otaviano Cardoso, frente a frente em colunas do Jornal da Praça

Paulo Rocaro x Otaviano Cardoso, frente a frente em colunas do Jornal da Praça

10 fevereiro 2012 - 08h23
Divulgação (TP)

A administração Municipal de Ponta Porã que tem a frente o prefeito Flávio Kayatt recebe diariamente criticas em duas colunas no tradicional Jornal da Praça, onde o radialista Otaviano Cardoso e o Jornalista Paulo Rocaro em suas colunas sempre procuram escrever comentários com criticas a administração municipal.

Mas na manhã desta sexta-feira, dia 10, o radialista Otaviano Cardoso fez uma defesa ferrenha de uma possível candidatura do presidente do PREVIPORÃ Márcio Cruz como um possível candidato do PMDB a prefeitura ou até mesmo como vice de alguém. Em outra parte da coluna, o mesmo critica o ex-prefeito Vagner Piantoni que , segundo ele, deixou apenas 40 mil reais no Caixa no instituto e hoje Márcio Cruz administra mais de 25 milhões, dinheiro esse repassado pelo prefeito Flávio Kayatt, de quem Otaviano era assessor até o último dia 6 de outubro.

A resposta ao radialista veio na pagina 2 do diário mais antigo da fronteira, onde o Jornalista Paulo Rocaro não perdoou o companheiro de serviço e de colunismo e escreveu o seguinte:

- Que o atual presidente do Previporã (Instituto de Previdência dos servidores Municipais de Ponta Porã), Márcio Cruz, é um camarada bonachão, de bem com todo mundo e discreto, é indiscutível. Contudo, por acesso singular e privilegiado, acabei me surpreendendo com a defesa escabrosa que o radialista Otaviano Cardoso esta fazendo do Márcio, forçando a barra na tentativa de lançá-lo candidato a alguma coisa. Recentemente estive conversando com ele, ocasião em que disse que seguiria o comando de seu partido o PMDB. Ora, considerando que ele pertence ao PMDB e o Otaviano ao PR, é muito suspeita essa ‘defesa’. Ou o Otaviano ainda não conseguiu apagar o ‘fogo da paixão’ pela administração do Kayatt, mesmo tendo ido para o partido do adversário do prefeito, ou se trata de alguma artimanha para provocar fissura nas hostes peemedebistas. Seria uma tremenda falta de respeito com as demais lideranças do partido do PMDB local. Não estou aqui bancando o advogado do diabo, porém, e regra da boa convivência observar os preceitos antes de dar palpites na vida do vizinho, é preciso cuidar do próprio quintal. Não é?

- Alias, é curiosa também da defesa do colega Otaviano faz do Previporã, chegando ao disparate de fazer comparações com administrações anteriores. É muito fácil ficar em cima do muro fazendo, ora ‘batendo’ na administração Kayatt ora ‘soprando’ para fazer média.

Na conclusão de sua coluna Rocaro finalizou com a seguinte frase: “Na política pau que bate em doido é o mesmo que bate em probo”. Não é?”

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOTÍCIAS
Venda em duplicidade de ingressos para show gera dano moral
CASSILÂNDIA
Polícia prende bandidos e impede assalto que ocorreria em agência bancária de MS nesta segunda-feira
ÁGUA CLARA
PRF apreende 631 Kg de maconha
JUSTIÇA
Barroso: ceticismo com mudança climática é obstáculo a ser superado