Menu
Busca sábado, 31 de outubro de 2020
Ponta Porã

Palestras sobre gestão e transparência nas câmaras marcaram evento que reuniu vereadores

28 novembro 2015 - 07h00Por Assessoria

Com início na quarta-feira, 25 de novembro, encerrou-se nesta sexta, dia 27, o Encontro de Vereadores e Assessores. Com grande proveito, o evento foi realizado no Centro Internacional de Convenções Miguel Gomez, em Ponta Porã, e contou com 28 câmaras presentes.

O evento foi idealizado pelo presidente da União das Câmaras de Vereadores do Mato Grosso do Sul, Jeovani Vieira, contando com apoio do prefeito de Ponta Porã, Ludimar Novais, e do Presidente da Câmara de Vereadores de Ponta Porã e vice-presidente da União das Câmaras de Vereadores de MS, Marcelino Nunes de Oliveira.

Na abertura do encontro de parlamentares e assessores, Marcelino Nunes deu as boas vindas afirmando que o evento contribui para divulgar positivamente Ponta Porã no contexto estadual. Ele apontou as potencialidades econômicas do município, destacando o turismo como uma das principais fontes de desenvolvimento: “Ponta Porã avançou muito, tanto no turismo de eventos quanto no turismo histórico. E essa irmandade que existe aqui na fronteira, nós queremos estender a todos vocês, presentes neste evento”, afirmou Marcelino, que logo após desejou que as palestras tivessem proveito e que os vereadores e assessores voltassem para suas cidades com uma bagagem de conhecimento maior e mais enriquecida.

O presidente da União das Câmaras, Jeovani Vieira, agradeceu ao presidente da Câmara, Marcelino, e ao prefeito Ludimar pelo auxílio e a oportunidade de fazer o evento em Ponta Porã. O prefeito Ludimar Novais – que já foi vereador - também comentou o evento e citou a importância dos parlamentares na construção de uma sociedade mais justa e correta.

Durante o evento, foram realizadas palestras sobre improbidade administrativa, banco de dados geral e pasta funcional dos servidores e vereadores, organização de documentos, como se devem simplificar as sessões para melhor aproveitamento das pautas, avaliação de projetos, tipos de indicações e a questão de pagamentos aos funcionários das Casas de Leis, além do portal transparência.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA
Campanha eleitoral tem baixa ocorrência de fake news, afirma Barroso
CRIME AMBIENTAL
Paulista é autuado em R$ 10 mil por erosões em 2 hectares de área, causando degradação de córrego em sua fazenda em Inocência
ECONOMIA
Dívida bruta do governo deverá encerrar o ano em 96% do PIB
REGIÃO
Polícia Militar Ambiental de Campo Grande e Imasul realizam fiscalização na MS 040 e orientam condutores sobre resíduos lançados de veículos às margens de rodovias