Menu
Busca domingo, 20 de setembro de 2020

Ponta Porã - Asfalto novo vai melhorar o tráfego na área central

Ponta Porã - Asfalto novo vai melhorar o tráfego na área central

23 novembro 2011 - 16h25
Divulgação (TP)

A Prefeitura deverá concluir até meados de dezembro a pavimentação asfáltica da Rua Jorge Roberto Salomão, antiga Rua Rio Branco, na área central de Ponta Porã. A rua possui pista dupla e é uma das mais movimentadas da cidade.

O asfalto está sendo feito num trecho que se inicia nas imediações do conjunto habitacional dos servidores municipais (Vila Ferroviária III) até a Rua Antônio João.

Nesta semana foi feito o trabalho e imprimação (implantação da base de piche) e a aplicação da capa asfáltica num dos trechos da rua.

A Rua Jorge Roberto Salomão é considerada uma via expressa. São duas pistas que fazem a ligação dos moradores de uma grande região como Coophafronteira, Vila Áurea, Residencial Ponta Porã e outros bairros da zona norte da cidade, com a área central de Ponta Porã: “este asfalto vai garantir mais agilidade e rapidez para quem precisa ir ao centro ou fazer o sentido inverso”, garante o secretário Helio Peluffo Filho que esteve conferindo a qualidade da obra executada com recursos próprios do Município.


DRENAGEM


Além de pavimentar uma das pistas da Jorge Roberto Salomão, a obra da Prefeitura vai contribuir para a solução de um problema que atormenta os moradores da região: o acúmulo de água das chuvas.

O secretário Helio Peluffo Filho informou que também será feita a ampliação da drenagem nas ruas Calogeras e General Osório para melhorar r a captação da água das chuvas que se acumula na Rua Baltazar Saldanha especialmente nas imediações do Edifício Jacob Georges. “Com a ampliação da drenagem queremos eliminar o problema do acúmulo de água na Baltazar Saldanha, melhorando as condições de tráfego naquele importante via”, destacou o secretário.

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLITICA
Justiça Eleitoral já registrou mais de 55 mil pedidos de candidaturas
DOURADOS
Jovem ameaça mãe de morte e vai preso pela GM
SAÚDE
Brasil registra 739 mortes pela covid-19 nas últimas 24 horas
BRASIL
Mourão defende que dados de queimadas passem por 'ajustes e correções'