Menu
Busca sábado, 26 de setembro de 2020
Ponta Porã

Prefeitura atende moradores vítimas de alagamento em Sanga Puitã

Equipe da Secretaria de Obras e Urbanismo está desenvolvendo trabalho para solucionar antigo problema que afeta moradores do distrito

17 dezembro 2015 - 07h00Por Assessoria


Um antigo problema que causa transtornos e prejuízos para a população do distrito de Sanga Puitã está recebendo atenção da Prefeitura Municipal, através da Secretaria Municipal de Obras e Urbanismo. Na última segunda-feira, o prefeito Ludimar Novais (PDT), acompanhado do secretário Agnaldo Miudinho, e engenheiros do município estiveram no local para verificar o drama vivido há décadas pela comunidade.

Miudinho disse que para se ter uma dimensão dos problemas causados pelas chuvas, atualmente estão sendo usados máquinas e equipamentos para fazer o bombeamento da água das chuvas que invadiram as casas. “É uma situação que se arrasta há muito tempo. Os gestores anteriores nunca se interessaram nem ao menos em tentar buscar uma solução. Agora estamos fazendo estudos para tentar resolver ou pelo menos amenizar o problema”, disse.

De acordo com o secretário de Obras, desde segunda-feira passada, as máquinas da Prefeitura Municipal estão drenando cerca de 35 mil litros d’água por hora. “Essa foi uma das soluções que encontramos. Colocamos bombas para puxar a água que alagou os imóveis e muitos moradores já estão com suas casas em condições de habitar novamente”.

Além da retirada da água do interior das casas, outro trabalho que vem sendo feito pelos engenheiros é no sentido de construir galerias com tubos para escoar a água que antes ficava acumulada nos terrenos das residências. Os tubos serão colocados nas travessias de pavimentos. “Essa é uma solução nova para um problema antigo. O nosso setor de engenharia constatou que o solo está totalmente encharcado e não tem a mínima condiçõe de absorver mais água”, destacou.

Com a abertur de uma canal para passagem da água da chuva, está sendo possível escoar cerca de 200 mil litros de água por hora. “Temos a determinação do prefeito Ludimar Novais para continuar trabalhando em Sanga Puitã até que possamos dar segurança para essas famílias que sempre enfrentaram esse problema e que nenhum outro prefeito teve a vontade de resolver”, finalizou o secretário Agnaldo Miudinho.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA
Celso de Mello antecipa aposentadoria do STF
CAARAPÓ
Policiais civis prendem jovem e comparsa suspeitos de tráfico de drogas
ECONOMIA
Febraban prevê que carteira de crédito deve subir 11,6% em agosto
CRIME AMBIENTAL
Polícia Militar Ambiental de Batayporã prende e autua quatro em R$ 8,4 mil por pesca predatória e apreende 139 kg de pescado, dois barcos, dois motores e petrechos