Menu
Busca quarta, 21 de outubro de 2020
Polícia

Quadrilha que aplicava golpes usando site de classificados é presa

Eles anunciavam produtos inexistentes e exigiam depósito

08 março 2016 - 14h58Por Fonte: correiodoestado
Três pessoas foram presas e outras duas estão sendo procuradas pela polícia sob a suspeita de fazerem parte de quadrilha que praticava golpes usando o site de classificados OLX. Eles moram em Campo Grande e foram descobertos na segunda-feira (7) ontem.

A Polícia Civil do Paraná entrou em contato com os investigadores da Capital informando sobre uma venda realizada por meio do site em que o comprador fez o depósito de R$ 800 na conta bancária de uma moradora de Campo Grande, mas não recebeu o produto, um iphone.

Policiais do Setor de Investigações Gerais (Sig) do 5º DP descobriram o endereço da titular da conta, identificada como Elizabeth Souza Nunes, de 39 anos, e a levaram para a delegacia. Aos investigadores, ela apontou o filho, Danilo Gonçalves, 20, como responsável pelos golpes, revelando ainda que o jovem estava cumprindo pena no regime semiaberto pelo crime de roubo.

O rapaz também foi levado para a delegacia, onde confessou o crime. Mas diferente da versão da mulher, Gonçalves afirmou que agia em parceria com a mãe dele.

Depois de investigações, os policiais conseguiram identificar o chefe da quadrilha como Júlio Antônio Sacco Martini de 39 anos. Ele tem passagens por estelionato e falsificação de documento público, mas ainda não foi encontrado.

A mulher dele, identificada apenas como Kelly e um mototaxista também são investigados. Segundo a polícia, parte do dinheiro dos golpes era retirada da conta de Elizabeth e levada pelo mototaxista até Kelly que depositava na própria conta.

Os policiais não souberam estimar o prejuízo que os estelionatários causaram, mas em depoimento os suspeitos informaram que conseguiam garantir entre dois e três depósitos por semana. Eles disseram ainda que se conhecem desde 2013.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JARDIM
Polícia Militar Ambiental de Jardim fiscaliza o rio da Prata e Formoso onde a pesca é proibida e apreende petrechos ilegais
SAÚDE
ANS: 59% das queixas sobre covid-19 são para exames e tratamentos
REGIÃO
Polícia Militar Ambiental de Aquidauana flagra e autua infrator por incêndio em resíduos domésticos em terreno baldio
NAVIRAÍ
Boca de fumo é descoberta e um adolescente e dois homens são detidos pela Polícia Civil