Menu
Busca terça, 20 de outubro de 2020
Governo

Reinaldo entrega R$ 4,6 milhões em obras e equipamentos para a Sanesul

17 junho 2016 - 12h14Por Fonte: noticias
O governador Reinaldo Azambuja entregou, nesta sexta-feira (17), investimento de R$ 4.659.449,46 na reforma do Complexo Maria Cecília Barbosa da Sanesul e na aquisição de equipamentos e móveis que serão distribuídos para as 10 regionais da empresa de saneamento.

Só para o Complexo Maria Cecília onde funciona a administração central da Sanesul e as gerências de suprimentos, manutenção e controle sanitário, foram disponibilizados R$ 1.780.530,46 para reforma e ampliação do Laboratório Central e do Laboratório de Hidrômetros, além da compra de móveis e equipamentos. O complexo abastece as dez gerências regionais e, em consequência, as unidades dos 68 municípios atendidos pela empresa.

O repasse para as 10 gerências regionais da Sanesul recebeu investimentos de R$ 2.878.919,00. Foram adquiridos um compressor para desenvolvimento e limpeza de poços profundos; 25 roçadeiras; 13 bombas de esgotar valas; 54 carretas reboque; duas carretinhas para moto; oito compactadores de percussão; 26 máquinas de cortar asfaltor; 10 motocicletas; 65 placas vibratórias; 20 pick-up Strada (veículo utilitário); duas retroescavadeiras; três caminhões (tração 4 x 2, cabine aberta); três equipamentos de esgoto; 80 conjuntos escora valas; um contêiner e uma ambulância para o Sindicato dos Trabalhadores de Empresas de Água (Sindágua/MS).

Durante a solenidade de entrega , o governador Reinaldo Azambuja destacou a importância dos colaboradores e o compromisso do Governo do Estado em estruturar a Sanesul. "A entrega desses equipamentos e a reforma que realizamos mostra a preocupação da empresa com os seus colaboradores e a do Governo que sempre priorizou as pessoas. Na minha primeira ida a Sanesul eu falei sobre o meu compromisso em fortalecer a empresa, em estruturá-la e qualificar nossos colaboradores, para que juntos possamos prestar um serviço de qualidade na área de saneamento em Mato Grosso do Sul", disse.

Para o secretário de Estado de Infraestrutura, Marcelo Miglioli, a qual a Sanesul é ligada, e o diretor-presidente da Sanesul, Luiz Rocha, os investimentos na empresa são resultado do modelo de Gestão do Governo. "Nós adotamos as determinações do Governo e temos a missão de levar um serviço de excelência para a população", destacou o diretor-presidente.

Na solenidade o governador também anunciou a publicação de um edital para manifestação de interesse, que acontece na semana que vem, da primeira Parceria Público Privada (PPP) do Estado. "Através dessa PPP vamos possibilitar o aporte de capital privado, mas manter a Sanesul pública, e assim universalizar o saneamento no Estado, nos 68 municípios, em um curto espaço de tempo. O que levaríamos 410 ou 60 anos para fazer, com a PPP podemos reduzir esse tempo para o prazo máximo de até 10 anos. O que é um avanço muito grande na área de saneamento e principalmente na saúde pública de Mato Grosso do Sul", finalizou.

Participaram do evento o presidente do Sindágua/MS, André Lúcio Romero Camargo; gerentes das 10 regionais da Sanesul: Danilo Pires (Aquidauana), Eduardo Duque (Corumbá), Leocir Miranda (Coxim), Paulo Nepomuceno (Dourados), Daniela Nantes (Jardim), Luciano Silva (Naviraí), Jair Oliveira (Nova Andradina), Marcos Malheiros (Paranaíba), Marcio Cruz (Ponta Porã) e Gilmar Tabone (Três Lagoas).

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍTICA
Após afastamento de senador, Barroso retira decisão do plenário do STF
POLÍTICA
Contar protocola na Alems novo pedido de impeachment contra Azambuja
CIDADANIA
Decreto estadual amplia luta contra a homotransfobia
PANDEMIA
OPAs destaca apoio dos Bombeiros à SES no enfrentamento à Covid-19