Menu
Busca quarta, 23 de setembro de 2020
Capital

Sem aumento, enfermeiros prometem entrar em greve

16 dezembro 2015 - 14h02Por Fonte: correiodoestado
Depois de uma greve que durou quase 20 dias no mês de julho, os enfermeiros que atuam nas unidades de saúde administradas pela prefeitura de Campo Grande devem novamente cruzar os braços. O motivo é a falta de reajuste salarial, no índice de 8% e que deveria ter ocorrido em maio, mês da data base da categoria.

Em razão da epidemia de dengue que Campo Grande vive, a categoria decidiu iniciar a paralisação no dia 23 de fevereiro do ano que vem. A decisão saiu em assembleia feita na noite da última segunda-feira (14).
Segundo o sindicalista que representa os enfermeiros, Hederson Fritz, desde o fim da última greve, em julho, a prefeitura não se manifestou sobre aumento salarial ou fez proposta para os trabalhadores.

Fritz afirma que o sindicato notificará a prefeitura da decisão nos próximos dias e aguarda abertura de negociação com a administração.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA
Acusação indevida de assédio moral gera indenização
PONTA PORÃ
Caminhões com 120 bovinos trazidos ilegalmente do Paraguai foram apreendidos pelo DOF
MEIO AMBIENTE
Infratora é autuada em R$ 56 mil por incêndio em madeira que se alastrou para pastagem
COMBUSTÍVEIS
ANP realiza mais de 7,4 mil fiscalizações no semestre