Menu
Busca quinta, 25 de abril de 2019
(67) 9.9973-5413
GERAL

SES reforça campanha por prevenção a acidentes de trabalho no abril verde

13 abril 2019 - 10h00Por Da Redação

Com um ato que aconteceu na entrada do prédio, a Secretaria de Estado de Saúde (SES) realizou na última semana, uma ação em apoio à campanha “Abril Verde”. A iniciativa é um movimento popular que conta com a participação voluntária e espontânea de pessoas que desejam apontar a necessidade de uma nova cultura para a prevenção de acidentes de trabalho e doenças ocupacionais.

“Temos que conscientizar, cada vez mais, todos os segmentos, sejam eles públicos ou privados, a buscarem garantia de segurança, tranquilidade e melhores condições trabalhistas para todos os brasileiros”, afirma o secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende. A SES atua neste sentido por intermédio da Coordenadoria de Vigilância em Saúde do Trabalhador/CEREST, da Superintendência de Vigilância em Saúde.

De acordo com a superintendente Larissa Domingues Castilho, a SES incentiva e reforça ao setor público, privado e todos os segmentos representativos e ocupacionais, independente do vínculo empregatício, formal ou informal “a refletirem sobre a prevenção para a preservação da saúde no trabalho, tendo como diretriz a Política Nacional de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora do SUS – Sistema Único de Saúde”.

Em Mato Grosso do Sul as ações do Abril Verde são efetivadas e fomentadas por meio do GETRIN (Grupo Tribunal Interinstitucional), coordenado atualmente pelo Tribunal Regional do Trabalho, 24ª Região e Lei Estadual nº 5.196 de 17 de maio de 2018. Ambos visam à conscientização e a prática de ações relacionadas à saúde, segurança e à prevenção de riscos no ambiente do trabalho.

História

O Abril Verde foi criado com base no Dia Mundial em Memória às Vítimas de Acidentes de Trabalho, comemorado no dia 28 de abril e no dia 7, o Dia da Saúde. Relembra o episódio ocorrido em 1969, quando uma explosão de uma mina na cidade de Fermington, na Virgínia (Estados Unidos), matou 78 trabalhadores. Esse episódio é caracterizado como um dos maiores e mais conhecidos acidentes trabalhistas da história. Por sua vez, a cor verde está relacionada aos cursos da área de saúde, e por isso o símbolo da campanha é o laço verde.

“Devemos celebrar o Abril Verde dentro do ambiente de trabalho como o momento perfeito para melhorar a convivência e também a segurança desses locais. É necessário dotar esses espaços de atividades que estimulem e orientem as pessoas, por meio da adoção de diversos procedimentos de segurança e melhoria da saúde dos trabalhadores”, afirma Larissa Castilho. Isso deve ser feito, segundo ela, por meio de palestras e dinâmicas de grupo que levem aos empregadores e funcionários a pensarem na segurança individual e coletiva no local de trabalho.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA
Cinco projetos deverão ser votados nesta quinta-feira na ALMS
GERAL
INSS terá que regularizar perícia médica em dois municípios de MS
BRASIL
Juiz dá oito dias para defesa de Lula se manifestar em ação do sítio
ECONOMIA
Tabela do frete é reajustada em 4,13%