Menu
Busca segunda, 28 de setembro de 2020

Projeto impulsiona arte musical produzida por artistas locais

Projeto impulsiona arte musical produzida por artistas locais

08 outubro 2011 - 08h20
Divulgação (TP)


O Projeto Som da Fronteira realizado pela Prefeitura Municipal, através da Fundação de Cultura e Esporte de Ponta Porã, contemplado pelo Fundo de Investimentos Culturais do Governo de Mato Grosso do Sul, alcança os moradores dos bairros Aeroporto e Granja no dia 15 de outubro.


Conforme informou o departamento de cultura da FUNCESPP, estão confirmados para esta etapa do Som da Fronteira, as seguintes atrações: Instrumentista Rodrigo Correa que estará apresentando sucessos de Renato Teixeira, Almir Sater e outros, através da moda de viola.

Em seguida o Ministério Conexão formado pelos músicos Ricardo Perez (vocalista), Gustavo Matos (vocal e guitarra), Pedro Henrique (contra-baixo), Orlando Matos (Bateria), Jorge Matos (violão), Cinthia Matos (vocal), Márcio Tobias (vocal), que apresentarão o melhor do estilo gospel com influências de grupos como Resgate, Oficina G3, PG, Fruto Sagrado e Pregador Lu.

A banda de Ska Reggae Toco Madera formada por músicos de Pedro Juan Caballero (PY) encerra as apresentações no palco principal do Som da Fronteira, com muito ritmo e suingue.

Toco Madera vem se destacando pela sonoridade em diversas apresentações como Festival de Música de Pedro Juan Caballero e Encarnación (PY), onde conquistaram o primeiro lugar e representaram o Paraguai no Aclamado Festival Cosquin de Rock em Córdoba na Argentina.

Antes dos shows musicais no palco principal, o público poderá conferir a performance do Grupo de Capoeira da Oficina Municipal Berimbau/Gingart, com mestre Erimar Gordinho do Grupo e o grupo Mexa-se, formada por alunos da Oficina Municipal de Street Dance da FUNCESPP. No local ainda haverá atividades recreativas com acompanhamento de monitores da FUNCESPP e exposição de artesanato produzido pelo Grupo Amigos da Arte.

O Diretor-Presidente da FUNCESPP, Adir Teixeira lembra que o Projeto Som da Fronteira foi contemplado em virtude da rica diversidade musical da fronteira, bem como o bom número de artistas existentes em Ponta Porã. “Somos gratos a toda equipe da Prefeitura de Ponta Porã pelo constante apoio logístico oferecido e pelo Governo de Mato Grosso do Sul, através de sua Fundação de Cultura que acreditou na proposta do projeto e sempre tem apoiado os eventos em Ponta Porã” frisou Adir Teixeira.

Ele enfatizou ainda que o evento cultural é voltado para toda família, com total estrutura e segurança, sendo fundamental a efetiva participação dos moradores da Granja e Aeroporto. “Aos poucos as pessoas estão entendo o perfil do projeto cultural. Espero que os moradores dos dois bairros e região compareçam, prestigiem os nossos artistas e tenham uma noite de muita alegria e descontração”.

Durante as etapas realizadas o Projeto Som da Fronteira, já contou com a apresentação da Banda Sociedade dos Sonhos, Surfistas de Trem, Michel Lendel, B-30, Retorno Comum, Zé da Viola, The Jackson e Billy Joe.

Serviço – Som da Fronteira
Local – Bairros: Granja/Aeroporto – Rua Washington Luiz (Praça Argiléu de Matos)
Data/Horário – 15 de outubro 2011 - 17 horas
Atrações – Rodrigo Correa/Conexão Gospel/Toco Madera
Entrada Livre

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍCIA
Comerciante morre em acidente na MS-276
BRIGA
Por conta de dívida, homem e mulher brigam no meio da rua e arremessam um contra o outro blocos de concretos e garrafas
GERAL
Pedidos de educação indígena aumentaram 500%, afirma Funai
POLÍTICA
Campanha das eleições municipais começa neste domingo