Menu
Busca quinta, 24 de setembro de 2020

Tribunal instala CEJUSC em Ponta Porã

15 dezembro 2015 - 10h45Por Assessoria

Em uma solenidade bastante concorrida por autoridades do executivo municipal, do judiciário, servidores do fórum, presidente da OAB e operadores do direito, o Tribunal de Justiça instalou na comarca de Ponta Porã mais um “Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania”, que consiste em buscar soluções judiciárias através da conciliação, mediação e acordos entre as partes, o evento foi na tarde de sexta-feira passada, dia 11, no Plenário do Tribunal do Júri.

Com a instalação do centro, as varas judiciais serão desafogadas para se concentrarem em casos mais complexos. As pessoas irão perceber a imensa vantagem em realizar negociações, ao invés de encarar sentenças judiciais, que podem durar anos.

O presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, desembargador, João Maria Lós, apontou que no Brasil existem aproximadamente 106 milhões de processos judiciais, dos quais 80% estão a cuidado da justiça estadual “cada 05 segundos é iniciado um novo processo Judicial que gera entupimento nos fóruns, o Cejusc vai revolucionar o judiciário de Ponta Porã”.

O juiz diretor do Fórum de Ponta Porã, Adriano da Rosa Bastos, disse que as expectativas são muito boas. O magistrado também será o coordenador do Cejusc da comarca e acredita na mudança de cultura. “Já estou utilizando da mediação em alguns processos e tenho obtido bons acordos. É importante entender que não se está apenas extinguindo processos, o que vamos fazer é pacificar essas pessoas, sem a necessidade de sentença de um juiz”.
Já o prefeito Ludimar Novais (PDT) manifestou a alegria e a importância do evento para a comarca “sentimos a necessidade da prestação jurisdicional o mais rápido possível, o Cejusc isto irá permitir que inúmeros conflitos tenham soluções antes que virem demandas com praticas modernas de conciliação e mediação, o Presidente do Tribunal merece todas as honras por trazer uma justiça rápida para nossa comarca” disse.

A solenidade de instalação do Cejusc no Fórum de Ponta Porã, contou com a presença do vice-presidente do TJMS, Des. Paschoal Carmello Leandro, do Corregedor-Geral de Justiça, Des. Julizar Barbosa Trindade, dos Desembargadores Luiz Tadeu Barbosa Silva e Júlio Roberto Siqueira Cardoso, do prefeito municipal, Ludimar Novais (PDT), do procurador geral do município, Dr Luiz Alexandre do Amaral, do presidente eleito da OAB da 5ª subseção, Dr Luiz Renê do Amaral, Secretario de Comunicação, Ricardo Zacarias e demais autoridades e operadores do direito.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA
Acusação indevida de assédio moral gera indenização
PONTA PORÃ
Caminhões com 120 bovinos trazidos ilegalmente do Paraguai foram apreendidos pelo DOF
MEIO AMBIENTE
Infratora é autuada em R$ 56 mil por incêndio em madeira que se alastrou para pastagem
COMBUSTÍVEIS
ANP realiza mais de 7,4 mil fiscalizações no semestre