Menu
Busca quarta, 30 de setembro de 2020

Saiba como essa ideologia pode contribuir para a sua saúde e boa forma

Saiba como essa ideologia pode contribuir para a sua saúde e boa forma

04 novembro 2011 - 14h00
TodaEla

Hoje é comemorado o Dia Mundial do Veganismo, data que foi implantada em 1994 quando a Vegan Society (pioneira da propagação da ideologia) da Inglaterra comemorou 50 anos de criação. Muito mais do que uma dieta, o veganismo é um estilo de vida que respeita os animais e o meio ambiente.

Muito radical para alguns, mas totalmente viável e de bom senso para quem o segue, o veganismo busca excluir, na medida do possível e praticável, todas as formas de exploração e tratamento cruel dos animais que possam resultar em alimentos, roupas e cosméticos. É uma filosofia que vai além do simples vegetarianismo.

Há alguns segmentos vegetarianos que permitem o consumo de peixes, leite, queijo, iogurte, mel ou ovos. Há outros que retiram (além das carnes, é claro) alguns deles. No veganismo todo e qualquer alimento derivado de animais é abolido da dieta.

Uma pessoa que adota a ideologia vegan preza pela preservação do bem-estar do animal e do fim de seu sofrimento para ser transformado em alimento. O vegano não deseja que a sua vida seja alimentada por crueldades e maus tratos dos bichos, sejam eles bois, vacas, porcos, aves ou mesmo peixes e crustáceos.

A filosofia prega que eles não devem ser criados para suprir as nossas necessidades alimentares ou para outro fim (produção de cosméticos, roupas, acessórios, peles ou cobaias) e sim devem ser seres para convivermos pacificamente.

A discussão sobre o veganismo, e os seus benefícios ao meio ambiente e ao futuro, é extensa e muito mais complexa do que simplesmente parar de comer carne. Envolve a diminuição da poluição atmosférica, a preservação de recursos vegetais e hídricos, e muitas outras questões.

Quem adora carne, pode nem querer conhecer os princípios do veganismo. Porém, o TodaEla está aqui para apresentar um pouquinho dessa ideologia, para você saber mais sobre a dieta vegan e os benefícios que ela pode trazer para a sua saúde.

Alimentos frescos, muita saúde e boa forma

É indiscutível que abolir alimentos de origem animal contribui para a perda de peso e para um organismo mais saudável.

O veganismo permite todos esses benefícios, pois a dieta é baseada em verduras, legumes, frutas, sementes, cereais e frutas secas e oleoginosas. Tudo natural e repleto de vitaminas e substâncias excelentes para o corpo.

Ao abolir o consumo de carne, quem adotou a dieta vegana afirma que ganhou muito mais disposição e saúde, além de perder peso naturalmente.

É importante ressaltar que ser vegana (ou vegetariana) não é sinônimo de passar fome. De forma alguma. A perda de peso acontece pela troca de proteína animal e gorduras saturadas por alimentos de origem vegetal que além de saudáveis, possuem muito menos calorias.

Apenas as gorduras saudáveis de castanhas e de óleos vegetais (como o azeite de oliva ou de linhaça) entram na alimentação vegana. E isso também é de grande ajuda na manutenção do peso, no controle do colesterol e na prevenção de doenças cardiovasculares e alguns tipos de cânceres.

As fibras dos alimentos de origem vegetal também são preciosas para o bom funcionamento do intestino, além de ajudar na saciedade e na absorção de nutrientes. A dieta vegana, aliás, busca o aproveitamento de todas as vitaminas e substâncias benéficas dos alimentos naturais. Ao contrário das carnes, que possuem gorduras saturadas, hormônios e são de digestão lenta.

Além de favorecer o emagrecimento saudável, esse consumo de alimentos naturais da dieta vegana se reflete também numa pele mais bonita e cabelos mais brilhantes.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Justiça Federal manda soltar acusados de invadir celular de Moro
ECONOMIA
Antecipação do INSS poderá ser pedida sem limitação de distância
ECONOMIA
Déficit primário do Governo Central atinge R$ 96,1 bilhões em agosto
NOTÍCIAS
1ª Câmara Cível considera regular a devolução de bem à revendedora