Menu
Busca segunda, 10 de agosto de 2020
MS

Com baixo isolamento e alta de casos de Covid, especialista alerta para riscos de aglomeração

24 julho 2020 - 13h00Por Portal do MS

Depois de perder o status nacional de estado com menos casos de Covid-19, Mato Grosso do Sul registrou mais um dia de alta nos casos confirmados e óbitos provocados pela doença. Paralelo a isso os índices de recolhimento social seguem em baixa.

A adesão ao isolamento social mapeada na última quinta-feira (23.07) manteve a taxa do Estado no mesmo patamar dos demais dias da semana com índice de 37,1%. Em 25° lugar entre as capitais brasileiras, Campo Grande registrou taxa de 36,2% para o dia.

Nos dados oficiais apresentados pela Secretaria de Estado de Saúde (SES) nesta sexta-feira (24.7) houve um aumento de 632 novos exames positivos para a doença e mais 15 óbitos. Do total de vidas perdidas, 5 são campo-grandenses, e dos casos confirmados 239 são de pessoas residentes em Campo Grande.

O cenário de baixo isolamento, alta transmissibilidade do vírus e taxa de ocupação de leitos preocupa autoridades em saúde, que no momento alertam para o avanço da doença na Capital e em Corumbá. “Não temos acesso a leitos de UTI para toda população. Muitas pessoas podem ainda não saber que estão infectadas, marcam uma aglomeração que pode provocar um surto familiar. Esse é o momento de não se expor”, destaca a médica infectologista Mariana Croda.

Embora a gestão estadual tenha adotado diversas medidas para de estruturação da saúde, prevenção e enfrentamento ao novo coronavírus, a participação da sociedade nas medidas de isolamento, distanciamento, higiene frequente das mãos e uso de máscaras de maneira adequada, é fundamental para frear a curva de contágio da doença no Estado.  

“O remédio é a gente ter a baixa da atividade, da mobilidade da aglomeração. Essa é a maneira que a gente tem que conduzir essa crise”, alertou o secretário de governo e gestão estratégica Eduardo Riedel durante live para atualização dos dados da Covid nesta sexta-feira.

As taxas de isolamento social mapeada nos municípios varia entre 28,2% registrados em Gloria de Dourados a 66,7% em Juti. Confira a lista completa de cidades aqui.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Débitos de difícil recuperação com o Simples podem ser parcelados
ECONOMIA
Dólar fecha em alta em dia negativo para moedas emergentes e vai a R$ 5,46
JUSTIÇA
Fachin nega recurso da PGR para ter acesso a dados da Lava Jato
ECONOMIA
Governo quer ampliar relações comerciais de MS com a Índia e atrair investimentos para o Estado