Menu
Busca quarta, 08 de julho de 2020
DOURADOS

Protocolo é seguido e mulher vítima do coronavírus é enterrada sem despedida de familiares

29 maio 2020 - 15h30Por Dourados News

A mulher de 27 anos vítima do coronavírus na manhã desta sexta-feira (29/5), em Dourados, já foi sepultada seguindo o protocolo determinado pela administração municipal com base no Ministério da Saúde. 

O veículo da empresa funerária com o corpo chegou ao Cemitério Parque Primavera, pouco depois das 14h com o caixão lacrado.

Devido às medidas de segurança, a imprensa não pode acompanhar a ação de perto. A vítima era de nacionalidade venezuelana e deixa marido e três filhos. Nenhum deles esteve no local para se despedir. 

A mulher foi internada no Hospital Universitário, após passar pela UPA (Unidade de Pronto Atendimento) com sintomas da doença. 

Ontem, o quadro de saúde dela apresentou piora. Pela manhã, não resistiu e morreu na unidade de saúde. Ainda não há informações sobre a existência ou não de comorbidades à paciente. 

Esse é o segundo óbito ocasionado pelo coronavírus registrado em Dourados. 

Apenas o veículo entrou no cemitério no início da tarde de hoje - Foto: Hedio Fazan/Dourados News

Em 27 de abril, caminhoneiro que estava internado no Tocantins em decorrência do vírus morreu. Apesar dele estar fora, o registro é feito no município de origem, conforme determina o protocolo do Ministério da Saúde. 

Na maior cidade do interior sul-mato-grossense, o número de pessoas infectadas pelo Covid-19 soma 236, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado na manhã desta sexta-feira (29/5) pela SES (Secretaria de Estado de Saúde).

Já no Mato Grosso do Sul, 19 pacientes morreram da doença com 1.356 casos confirmados.  

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
Polícia Militar Ambiental e Bombeiros resgatam anta de piscina em chácara próxima ao aeroporto Santa Maria pela terceira vez
NOTÍCIAS
Confissão de dívida é considerada prova de culpa em acidente de trânsito
MIRANDA
Pedreiro mata ‘filha’ de 2 meses ao descobrir que pai biológico seria o irmão, diz polícia
POLÍTICA
Maia quer votar projeto que regulamenta Fundeb na próxima semana