Menu
Busca terça, 29 de setembro de 2020
CAMPANHA SETEMBRO 15 á 30/09/2020
CORONAVÍRUS

SES alerta para aumento da taxa de positividade da Covid e pede que população mantenha prevenção

14 setembro 2020 - 11h50Por Portal do MS

Mato Grosso do Sul contabilizou 331 novos casos de Covid-19 nesta segunda-feira (14). Com o adicional o número total de infectados desde o início da pandemia no Estado sobe para 59.408. A média móvel segue alta, indicando 754,7 novos casos por dia na última semana.  

Conforme os dados oficiais, até o momento foram 23.7208 notificados dos quais 173.594 foram descartados. O Laboratório Central (Lacen) possui 1.703 análises em amostra. Sem encerramento pelos municípios são 2.503 casos pendentes.

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) confirmou 20 óbitos por Covid nas últimas 24 horas, elevando o número total do Estado para 1.085. Com isso, a média móvel que vinha se mantendo entre 12 e 14, subiu para 16,43 vidas perdidas por dia nos últimos 7 dias. A taxa de letalidade está em 1,8%.

Numa análise dos gestores da saúde aos dados por semana epidemiológica, agosto e julho foram os dois piores meses, mas setembro vem apresentando a mesma média de casos e acende um alerta para a manutenção das medidas preventivas de contágio da Covid.  

“Analisamos os dados que vem de amostras dos laboratórios, e todos os dia olhamos para a positividade desses casos. De cada 100 amostras, 36 e 37 estão positivas para a Covid. Na data de ontem tivemos 39,19, quase 40 amostras positivas. Isso significa circulação viral grande, a taxa de positividade aumentando, e uma necessidade maior de não fazermos aglomeração. Precisamos diminuir a taxa de contágio”, alertou a secretária-adjunta da SES, Christine Maymone.

Confira aqui o detalhamento do boletim. 

Isolamento social

A taxa média de isolamento social mapeada no Estado neste domingo (13) foi de 45,4%. Já Campo Grande atingiu 45% neste dia da semana. A movimentação nos municípios sul-mato-grossenses varia entre 33,3% a 63,2%. Acesse aqui a lista completa por cidade.

A título de comparação, o sábado (12) foi bastante movimentado e o índice registrado foi de 38% para o Estado e de 37,3% para a Capital. Já na sexta-feira (11) os valores foram de 34,1% para MS e de 33% para a Cidade Morena.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Justiça Federal manda soltar acusados de invadir celular de Moro
ECONOMIA
Antecipação do INSS poderá ser pedida sem limitação de distância
ECONOMIA
Déficit primário do Governo Central atinge R$ 96,1 bilhões em agosto
NOTÍCIAS
1ª Câmara Cível considera regular a devolução de bem à revendedora