Menu
Busca sábado, 23 de janeiro de 2021

Após período "mais difícil da vida", Thiago Heleno precisa reaprender até a correr

Após período "mais difícil da vida", Thiago Heleno precisa reaprender até a correr

04 junho 2012 - 15h31
Uol

Foi um longo período de espera. Após quase meio ano, Thiago Heleno voltará a ser relacionado por Luiz Felipe Scolari como uma das opções para o setor defensivo do Palmeiras para o jogo desta quarta-feira, diante do Sport, pela terceira rodada do Brasileirão. O zagueiro considera que passou pela "fase mais difícil da sua vida" e conta que, por causa da operação, precisa se readaptar até a correr.

O jogador operou os dois pés por causa de dores que sente desde os tempos de Cruzeiro. Segundo ele, o incômodo era suportável, mas, depois de alguns jogos, a inflamação não deixava ele nem pisar no chão. Agora, livre de dores, ele tenta se acostumar com o novo formato de pé.

"Eu operei, coloquei placas e no direito deu rejeição. No começo, depois da operação, doía bastante. Agora, meu pé até mudou de formato. Antes ele era assim (fazendo formato côncavo com a mão), agora ele é reto", disse o camisa 4.

Por causa dessa mudança, o jogador passou por readaptação na hora de andar, trotar e correr. Seis quilos mais gordo após o período de férias forçadas, ele espera voltar a fazer a dupla com Henrique, único jogador da posição que não é trocado por Felipão.

"Para eu voltar a jogar, tenho que treinar bem e ele (Felipão) deixa bem claro isso. Ele faz várias trocas no time e vou sempre respeitar isso. Vou é fazer meu trabalho, que é jogar bem", disse ele. "O pior já passou, ainda bem. Dois meses de treinamento, vou poder ficar à disposição do professor", finalizou ele no melhor estilo boleiro de falar.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Pendências com o Simples atingem quase dois terços das empresas
PONTA PORÃ
Após tentativa de homicídio, Polícia Militar apreende submetralhadora 9mm
SAÚDE
Boletim Covid-19 deste sábado registra óbitos em 12 municípios
REGIÃO
PMA autua dois em R$ 3 mil por abandonar cachorro em estrada