Menu
Busca terça, 16 de julho de 2019
COPA AMÉRICA

Colombiano que perdeu pênalti diz que foi ameaçado de morte

02 julho 2019 - 10h45Por G1

William Tesillo, zagueiro colombiano que desperdiçou uma cobrança na disputa de pênaltis contra o Chile, pelas quartas de final da Copa América na última sexta-feira, disse que ele e sua família estão recebendo ameaças de morte. O jogador de 29 anos do Clube León, do México, confirmou as ameaças em entrevista ao jornal "El País".

- Sim, isso aconteceu. Fizeram ameaça para minha esposa, e ela publicou. Para mim também, mas eu ainda não publiquei nada. Estamos com Deus - resumiu ele.

Esposa do jogador, Daniela Mejía usou as redes sociais para divulgar o que vem acontecendo. Ela compartilhou o comentário de um internauta, que diz: "Espero que aconteça com ele o mesmo que com Andrés Escobar". E escreveu:

- Entre tantas coisas na Colômbia... Que tristeza!

Andrés Escobar foi assassinado na Colômbia em julho de 1994, dias depois de marcar o gol contra na derrota por 2 a 1 para os Estados Unidos que eliminou a seleção colombiana da Copa do Mundo.

William Tesillo, que é pai do jogador, fez um apelo para que os torcedores entendam que "isso é só futebol".

- Eu estava convencido de que meu filho ia converter o pênalti. Ninguém se candidatou para cobrar o quinto, e ele passou à frente para bater. Diante das ameaças que recebemos, nós só oramos. Temos que entender que isso é só futebol, que se pode perder ou ganhar - afirmou em entrevista à "Caracol".

Tesillo foi o responsável pela quinta cobrança da Colômbia, mas acabou batendo rente à trave. O Chile, por sua vez, converteu as cinco cobranças e se classificou para as semifinais da Copa América: vai enfrentar o Peru na próxima quarta-feira, em Porto Alegre.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BR-267
Carreta bate em 3 veículos durante interdição após acidente com morte
CORUMBÁ
Flagrado pedindo propina, ginecologista foi denunciado por abuso sexual
PREVIDÊNCIA
Senado pode aprovar reforma em 60 dias, diz Simone Tebet
FUTEBOL
Copa Assomasul fecha 1ª fase com mais três equipes classificadas