Menu
Busca domingo, 24 de janeiro de 2021

Na prévia da semifinal da Copa do Brasil, Grêmio faz 1 a 0 no Palmeiras

28 maio 2012 - 07h40Por ESPN
No duelo entre os times que irão se encontrar no mês que vem disputando uma vaga na final da Copa do Brasil, o Grêmio venceu o Palmeiras por 1 a 0 no estádio Olímpico e chegou aos três primeiros pontos no Campeonato Brasileiro. O Palmeiras, por sua vez, segue com um ponto ganho após empatar na estreia.

Depois de um primeiro tempo disputado, mas sem grandes chances de gol, o Grêmio marcou aos 26 minutos da segunda etapa. Fernando cobrou falta e André Lima desviou para o gol de Bruno.

Para o jogo, o técnico Luiz Felipe Scolari deixou Valdivia no banco de reservas, promovendo entre os titulares o jovem Felipe. O chileno entrou no intervalo no lugar do próprio Felipe - vale lembrar que Valdivia, suspenso, não atua no jogo de ida das semifinais. O treinador também poupou Juninho, dando uma chance para Fernandinho na lateral.

Na próxima rodada, só no dia 6 de junho, ambos jogam fora de casa: o Palmeiras visita o Sport às 19h30, enquanto o Grêmio viaja para pegar o Atlético-GO no mesmo horário. Uma semana depois, iniciam a disputa mata-mata pelas Copa do Brasil.

O jogo - O Grêmio tratou de tomar conta da posse de bola assim que o árbitro deu início ao confronto e, logo aos cinco minutos, a torcida local pediu pênalti de João Vitor sobre Miralles, mas Marcelo de Lima Henrique considerou a jogada normal. O Verdão tentou mostrar disposição de buscar o ataque, mas só esboçou alguma iniciativa em jogada que Barcos recebeu na meia-direita, girou e bateu por cima.

Enquanto o time visitante exibia dificuldade para armar jogadas ofensivas, o Grêmio segurava a bola na frente. Marco Antônio chegou pela direita e cruzou para Marcelo Moreno cabecear, mas Bruno segurou a bola. Aos 23, o Tricolor teve uma grande chance para abrir o placar, depois que o árbitro assinalou pênalti de João Vitor sobre Pará. No entanto, Léo Gago desperdiçou ao acertar a cobrança no travessão.

Depois disso, o Palmeiras chegou a avançar, mas não conseguiu ameaçar em cobrança de escanteio de Marcos Assunção e nem no cruzamento de Fernandinho. Pouco depois, Luan recebeu pela esquerda e bateu rasteiro, cruzado, sem que ninguém aparecesse para completar. Aos 33 minutos, Miralles sentiu uma contusão e deixou o jogo para a entrada de André Lima.

O time gaúcho apresentou uma queda de rendimento pelos erros que teve na hora de abrir o placar. Assim, antes do fim do primeiro tempo, Marcos Assunção teve uma cobrança de falta de longe, que foi defendida pelo goleiro Victor. Do outro lado, o Grêmio se reorganizou e aproveitou mais uma vez o espaço dado por Cicinho. Pará recebeu com liberdade e chutou, mas o lateral direito palmeirense apareceu em cima da hora para desviar. Bruno saltou para fazer a defesa.

No intervalo, Felipão tirou Felipe para colocar Valdivia, mas o Palmeiras voltou ao jogo ainda com dificuldades para criar lances de perigo. Por isso, a responsabilidade ficava toda nos pés de Hernán Barcos, que apostou em jogadas individuais. Na primeira, o argentino passou por duas vezes por Naldo, chegou perto da linha de fundo pela esquerda e chutou, mas Victor espalmou. Na outra tentativa, o Pirata arriscou de fora da área e a bola saiu fraca.

Ao constatar o crescimento do adversário, Luxemburgo colocou Rondinelly na vaga de Marco Antônio. Apoiado pelo grito de sua torcida, o Tricolor partiu para o ataque, ainda exibindo dificuldades para ameaçar efetivamente a meta do goleiro Bruno. Aos 24, Rondinelly dominou pela esquerda, livrou-se da marcação e bateu rasteiro, perto da trave.

Aos 25, Felipão mandou Maikon Leite a campo, na vaga de Barcos. Entretanto, o treinador não teve tempo de ver o comportamento do time com a mudança, pois os donos da casa abriram o placar no minuto seguinte. Fernando cobrou falta de longe e André Lima fez um leve desvio de cabeça para as redes.

O gol fez o Grêmio crescer no jogo, enquanto oa equipe paulista passou a se mostrar mais nervosa. Felipão ainda tentou alterar a postura da equipe, substituindo o volante Marcos Assunção pelo atacante Betinho, mas os visitantes não conseguiram reagir e amargaram a derrota.

FICHA TÉCNICAGRÊMIO 1 X 0 PALMEIRAS
Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)
Data: 27 de maio de 2012, domingo
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (Fifa/RJ)
Assistentes: Marco Santos Pessanha (RJ) e Ediney Guerreiro Mascarenhas (RJ)
Cartões amarelos: Rondinelly, Vilson, Fernando (Grêmio). Marcos Assunção (Palmeiras)
GOL: GRÊMIO: André Lima, aos 26 minutos do segundo tempo

GRÊMIO: Victor; Gabriel, Gilberto Silva, Naldo e Pará; Fernando, Souza, Léo Gago e Marco Antônio (Rondinelly); Miralles (André Lima) e Marcelo Moreno (Vilson)
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

PALMEIRAS: Bruno; Cicinho, Leandro Amaro, Henrique e Fernandinho; Márcio Araújo, Marcos Assunção (Betinho), João Vitor e Felipe (Valdivia); Luan e Barcos (Maikon Leite)
Técnico: Luiz Felipe Scolari

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Pendências com o Simples atingem quase dois terços das empresas
PONTA PORÃ
Após tentativa de homicídio, Polícia Militar apreende submetralhadora 9mm
SAÚDE
Boletim Covid-19 deste sábado registra óbitos em 12 municípios
REGIÃO
PMA autua dois em R$ 3 mil por abandonar cachorro em estrada