Menu
Busca terça, 19 de janeiro de 2021

Sem medalha, zagueira de MS volta de Londres com sonho de ir ao Rio 2016

10 agosto 2012 - 15h10
Regiaonews


A jogadora de futebol Bruna Benites, de 26 anos, que mora em Campo Grande, já está no Brasil, após a eliminação da seleção brasileira de futebol nos Jogos Olímpicos de Londres. A equipe perdeu para o Japão na última sexta-feira (3) por 2 a 0 pelas quartas-de-final, em Cardiff, País de Gales.

A campanha foi a pior do time feminino na história das Olimpíadas. Apesar da derrota, Bruna se mostrou satisfeita com sua participação na competição.

“Por um lado estou contente, feliz por ter participado. Qualquer atleta sonha em participar, e foi uma surpresa muito grande por não nunca ter disputado”, conta Bruna, que chegou ao Brasil e foi direto para Foz do Iguaçu se reapresentar ao Foz Cataratas, clube que joga atualmente.

“Eu esperava participar, mas não de titular. Foi uma experiência muito grande, enriquecedora”, classificou a jogadora, que esteve em campo nas quatro partidas do Brasil nas Olimpíadas

A jogadora revela a conversa que teve com o treinador da seleção, Jorge Barcellos, no período de treinamento para os Jogos de Londres. “Ele me disse que estava orgulhoso e contente por ter me encontrado. É pra continuar trabalhando no meu clube, o difícil não é chegar à seleção, mas se manter”.

Realidade - A novata jogadora da seleção brasileira também ouviu os conselhos das veteranas Marta e Formiga. “Hoje você é realidade na Seleção”, disse Marta, eleita melhor jogadora do mundo por cinco vezes.

Natural de Cuiabá, Bruna reside com a família desde 2004 em Campo Grande. As dicas do treinador e das companheiras de seleção deixam Bruna confiante para disputar os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016.

Um dos sonhos da atleta foi realizado, em Londres, ao jogar contra a seleção da Grã-Bretanha no estádio de estádio de Wembley para mais de 70 mil pessoas. “De verdade, só nós sabemos da dificuldade que passamos com público. Estava bonito o espetáculo, fiquei muito feliz. Mas quando começa o jogo, a gente esquece quem está em volta”.

Bruna chegou ao Brasil na madrugada de segunda-feira e ainda não reencontrou com a família. A jogadora pede liberação à direção do clube para passar o final de semana em Campo Grande.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PROCESSO SELETIVO
Divulgada a classificação final do Programa de Residência Judicial
SAÚDE
Vacinação contra a covid-19 já teve início em quase todo o país
GERAL
Nova portaria muda regras para PRF atuar em operações conjuntas
JUDICIÁRIO
Prazos processuais voltam a contar nesta quinta-feira