Menu
Busca quarta, 12 de agosto de 2020

Adriano ainda precisa perder 4,5 quilos antes de jogar

Adriano ainda precisa perder 4,5 quilos antes de jogar

13 setembro 2011 - 10h45Por UOL
O atacante Adriano, do Corinthians, ainda vive a expectativa de seu retorno aos gramados. No próximo dia 20, completa-se cinco meses da cirurgia que o jogador realizou no tendão do pé esquerdo, após sofrer lesão durante um treinamento. A expectativa do departamento médico é grande e espera-se que, no início de outubro, o Imperador já esteja liberado para treinar com o grupo.

No entanto, a volta do atacante aos jogos pode demorar um pouco mais para acontecer, já que ele ainda precisa perder peso, segundo revelou o fisioterapeuta Bruno Mazziotti.

"Esse (cinco meses) era o tempo que precisávamos para ter uma garantia que sua recuperação não tenha problemas, o que não garante que haja intercorrências no meio do caminho até seu retorno total. Com esse dado, podemos prever que a volta dele aos gramados para treinar com bola é para o início de outubro, o que não garante que ele poderá jogar rapidamente, porque precisa ser feito o trabalho de perda de peso com ele. Acredito que ele precise perder mais 4,5kg", afirmou Mazziotti.

Segundo o jornal, o fisioterapeuta afirmou que o retorno de Adriano na partida contra o Flamengo, no último dia 8, como chegou a ser cogitado, era impossível de acontecer. Mazziotti acredita que a partir do momento em que o atacante estiver treinando com bola, o retorno estará mais próximo.

"Quando ele começar a treinar com bola a volta estará mais perto. Mas têm jogadores que demoraram uma semana para pegar o ritmo depois de uma lesão como essa e outros mais tempo. Com os treinos, a perda de peso dele será mais fácil de acontecer porque podemos aumentar a carga de trabalhos físicos", disse ao jornal.

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍTICA
Congresso marca três reuniões para analisar todos vetos presidenciais
MATO GROSSO DO SUL
Governo divulga resultado preliminar de processo seletivo para área da saúde
GERAL
Anvisa quer reforçar medidas contra covid-19 em aeroportos e aeronaves
ANTÔNIO JOÃO
Polícia Civil prende foragido da justiça procurado pela prática de falsidade ideológica