Menu
Busca sábado, 19 de setembro de 2020

Aparelho de raio X de hospital de MS despenca e fere cabeça de criança

31 agosto 2011 - 13h40
Mãe empurra o garoto para tentar salvá-lo e também se fere no acidente
Santa Casa confirma o acidente e diz que menino recebeu atendimento

G1 MS

Um menino de 5 anos ficou ferido na cabeça enquanto fazia um exame de raio X no tórax, por volta das 11h30, desta terça-feira (30), na Santa Casa de Campo Grande. Segundo o pai do garoto, Ronaldo da Silva, de 30 anos, o aparelho utilizado para realizar o exame se desprendeu de um cabo de aço e atingiu a criança e a mãe, que empurrou o garoto, evitando que o equipamento caísse totalmente sobre ele. Em nota, o hospital confirmou o acidente e informou que o menino continua internado recebendo atendimento.

Com a queda do aparelho, a mãe da criança sofreu escoriações nos braços e na testa, já o menino levou dois pontos na cabeça e segue em observação na Santa Casa.


O pai do menino afirma que a esposa salvou a vida do filho. “Hoje, se não fosse Deus e minha mulher, eu teria perdido meu filho”, afirma Silva. Segundo ele, a criança deu entrada no hospital por volta das 11h com suspeita de infecção. O menino não se alimentava bem e tinha febre há cinco dias.

Antes de procurar a unidade hospitalar, o casal já havia passado pela Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Guaicurus. “No Guaicurus me disseram que teria que fazer o raio X do tórax, mas lá não tinha o aparelho. Então eu procurei a Santa Casa em busca de um médico experiente porque meu filho não estava bem”, diz Silva.


Com o tamanho e o peso do aparelho, o pai diz que se sente aliviado pelo acidente não ter provocado ferimentos ainda mais graves na criança e em sua esposa. “Nenhum homem consegue pegar aquele aparelho, é muito pesado. Se ele tivesse caído em cima do meu filho, ele teria morrido”, desabafa Silva.

O advogado da família, Ademar Chagas da Cruz, espera a manifestação da Santa Casa para procurar o judiciário. “Estamos aguardando que a Santa Casa se pronuncie, se eles não disserem nada, iremos entrar na Justiça atrás de indenização e de garantia de atendimento para possíveis problemas que a criança e a mãe possam ter no futuro”, diz Chagas.

Hospital
Por meio de nota oficial, a Santa Casa confirmou que ocorreu o acidente durante a realização do exame de raio X no hospital, mas diz que foi 'sem grandes danos', e que a criança teve um corte 'superficial' de aproximadamente 1,5 centímetro na cabeça. No texto, o hospital informa ainda que ele recebeu atendimento e continua em observação no Pronto Socorro pediátrico em razão do quadro de febre.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA
Justiça determina que deputada Flordelis use tornozeleira eletrônica
POLICIA CIVIL
Veículo tomado em golpe do falso frete em Dourados é recuperado
DOURADOS
Após reclamações de calorão, prefeitura fará 'reparos' na Central do Cidadão
SAÚDE
Governo brasileiro confirma intenção de aderir à Covax