Menu
Busca quarta, 25 de novembro de 2020

Cerca de 400 médicos veterinários se inscrevem para vagas na Iagro

18 janeiro 2012 - 14h29Por Assessoria
A Agência Estadual de Defesa Sanitária a Animal e Vegetal (Iagro) recebeu 394 inscrições de médicos veterinários para concorrem as 35 vagas oferecidas pelo órgão para atuarem em 10 municípios.

A disputa do processo seletivo simplificado registrou média de 12 candidatos por vaga.

A etapa de entrevistas teve início ontem (18) e terminam na próxima terça-feira (24). O horário de atendimento dos profissionais, que primeiramente responderão a um questionário, é das 8h às 12h e das 13h às 17h30. A Iagro divulgou a agenda das entrevistas no site www.iagro.ms.gov.br.

Confira a ordem dos entrevistados de acordo com o número de inscrições e data das entrevistas: candidatos com número de inscrições de 001 a 100 - 19 de janeiro, das 08h às 12h e das 13h às 17h30; candidatos com número de inscrições de 101 a 200 - 20 de janeiro, das 08h às 12h e das 13h às 17h30; candidatos com número de inscrições de 201 a 300 - 23 de janeiro, das 08h às 12h e das 13h às 17h30 e candidatos com número de inscrições de 301 a 394 - 24 de janeiro, das 08h às 12h e das 13h às 17h30.

O local da aplicação do questionário e da entrevista será no Auditório da Iagro Central, situado à Avenida Filinto Müller, 1146 - Bairro Universitário em Campo Grande.

Após as entrevistas, a direção da Iagro fará análise do material de cada candidato e a contratação será imediata, segundo o órgão. As vagas são destinadas para atenderem os escritórios regionais, localizados dos municípios de Aquidauana, Amambaí, Coxim, Costa Rica, Dourados, Jardim, Naviraí, Nova Andradina, Ponta Porã e de Três Lagoas. A jornada de trabalho será de 40 horas semanais, no período de um ano e a remuneração é de R$ 2.844,47.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MS
Procon alerta pais para ficarem atentos à lista de materiais e venda casada
ECONOMIA
Pandemia provoca redução de investimentos estrangeiros no país
ESPORTES
Morre Diego Maradona, aos 60 anos, após parada cardiorrespiratória
NOTÍCIAS
MS participa da campanha internacional contra violência doméstica