Menu
Busca quinta, 25 de fevereiro de 2021

Chefe do tráfico na Rocinha será levado ainda hoje para Bangu 1; ele presta depoimento na PF

Chefe do tráfico na Rocinha será levado ainda hoje para Bangu 1; ele presta depoimento na PF

10 novembro 2011 - 08h25
Uol




Pelo menos seis carros do Batalhão de Choque e um carro blindado da Polícia Militar do Rio de Janeiro já estão na sede da Superintendência da Polícia Federal (PF), na zona portuária da cidade, para fazer a transferência ainda na manhã desta quinta-feira (10) do traficante Antonio Bonfim Lopes, 35, para o presídio Complexo Penitenciário de Gericinó, onde fica Bangu 1.

Conhecido como Nem, o traficante presta depoimento na PF após ter sido preso no início da madrugada de hoje ao tentar fugir da favela da Rocinha dentro do porta-malas de um Corolla preto. Nem comandava o tráfico na comunidade, uma das maiores favelas da América do Sul.

A prisão aconteceu quando o carro em que ele estava foi parado durante operação do Batalhão de Choque, na Lagoa Rodrigo de Freitas, próximo ao Clube Naval, na zona sul do Rio.

Saiba mais sobre Nem:

Antonio Francisco Bonfim Lopes, conhecido como Nem e apontado como chefe do tráfico de drogas na Rocinha, era procurado pela polícia por tráfico, lavagem de dinheiro, homicídios, sequestro, cárcere privado e porte ilegal de arma.

Ele liderava a facção criminosa ADA (Amigos dos Amigos) e possuía característica incomum entre os criminosos mais procurados do Rio: nunca havia sido preso. Segundo a polícia, atuava no crime há dez anos, cinco como chefão das bocas mais rentáveis da cidade. Nem assumiu o controle do tráfico na Rocinha, juntamente com João Rafael da Silva, o Joca, após a morte do traficante Bem-te-vi, em 2005.

Em agosto de 2010, com a ajuda de comparsas muito bem armados e com o treinamento tático, escapou de um confronto com policiais quando saía de um baile no morro do Vidigal, invadindo um hotel de luxo. No episódio, 35 pessoas foram feitas reféns.

Atualmente, também era procurado pelo desaparecimento das jovens Luana Rodrigues e Andressa de Oliveira.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Auxílio emergencial e criptomoedas deverão ser declarados no IR
ECONOMIA
Receita libera amanhã programa da declaração do Imposto de Renda 2021
ECONOMIA
Vendas da indústria de máquinas tem alta de 38,5% em janeiro
IMUNIZAÇÃO
MS recebe quinta remessa de vacinas contra a Covid-19 e intensifica campanha