Menu
Busca sexta, 07 de agosto de 2020

Colégio de Presidentes lança campanha “Referendo OAB”

Colégio de Presidentes lança campanha “Referendo OAB”

03 outubro 2011 - 10h06Por Assessoria
A diretoria da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso do Sul, lançou durante o Colégio de Presidentes, a campanha “Referendo OAB/MS”. Sob a coordenação de secretária-geral, Rachel de Paula Magrini Sanches, o objetivo é realizar um levantamento sobre o Sistema Judicial no Estado.

“Hoje foi lançada uma campanha de convocação para a reunião que será um marco para os advogados. O encontro que vamos fazer em todas as Subseções e na Capital no próximo dia 19 de outubro (quarta-feira) representa um grande desafio para todos os advogados e em especial para os dirigentes de Subseções, os representantes da CAAMS e ESA/MS, os conselheiros estaduais, federais e Diretoria da Seccional”, afirma a secretária-geral.

Devem participar todos os advogados da Capital e do interior, regularmente inscritos na entidade, para elaborarem propostas que solucionem os problemas encontrados. As idéias apresentadas serão discutidas no dia 6 de dezembro (terça-feira), em um simpósio que reunirá todos os representantes da advocacia estadual.

Após, será elaborado um documento que deverá ser entregue às autoridades competentes, negociando sua efetiva implementação com a participação do Conselho Federal da OAB, dos Poderes instituídos, do Conselho nacional de Justiça (CNJ) e do Conselho Municipal do Ministério Público, de modo a contribuir e exigir do Poder Público e outras entidades representativas uma justiça mais célere e eficaz.

Para o presidente da OAB/MS, Leonardo Duarte, a participação dos advogados é um compromisso impostergável. “Os advogados sul-matogrossenses podem, coletivamente, ajudar a construir uma justiça mais célere e eficiente em nosso estado, afirma Duarte.

Divulgação “Referendo OAB/MS” – Durante o Colégio de Presidentes, realizado na sede da Ordem, os representantes das Subseções, CAAMS, ESAMS e conselheiros federais e estaduais, receberam um kit para divulgação da campanha contendo camisetas, cartazes, folders, cd e formulário.

“Queremos priorizar a atuação dos profissionais da advocacia contra a morosidade na distribuição da Justiça”, finaliza Rachel de Paula.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
Agentes prisionais tiveram saúde mental abalada na pandemia
Pesquisa mostra que tensão entre os presos é um dos motivos
SAÚDE
MP destina R$ 1,99 bilhão para viabilizar vacina contra covid-19
TRÊS LAGOAS
Polícia Militar Ambiental captura jiboia em condomínio
NOTÍCIAS
Paraguai prevê reabertura de lojas da fronteira em setembro
Ministro de Relações Exteriores diz que conversa está avançada com governo brasileiro