Menu
Busca terça, 31 de março de 2020
Mais ALEMS
GERAL

Correios levam amostras de coronavírus para estudos em universidades

Estudos sobre contágio e proliferação serão feitos em 5 instituições

25 março 2020 - 09h00Por Agência Brasil

Os Correios estão realizando coleta de material viral do novo coronavírus e do vírus influenza para utilização em estudos sobre o contágio e proliferação e sobre vacina para as doenças. 

Segundo o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTI), amostras virais embaladas são retiradas no Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo (USP), em São Paulo, e enviadas a cinco instituições: Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), USP/Ribeirão Preto, Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e FEEVALE (Novo Hamburgo/RS). Essas instituições fazem parte da RedeVírus MCTIC, comitê ligado ao MCTIC.

“A distribuição dessas amostras, tanto do vírus inativo quanto do vírus viável, serve para pesquisa com o vírus e também serve de amostra para ser referência para os testes. Então, é tão importante essa distribuição para todos os laboratórios que estão fazendo essa função em todo território nacional”, explicou o secretário de Políticas para Formação e Ações Estratégicas, Marcelo Marcos Morales.

A primeira coleta ocorreu na noite de quarta-feira (18) e em menos de treze horas, o material biológico já havia sido entregue em Minas Gerais, Rio de Janeiro, Ribeirão Preto/SP e Rio Grande do Sul. 

O transporte realizado pelos Correios é dotado de altos requisitos de segurança e agilidade, para que o material seja entregue até 20 horas após a coleta, em perfeito estado de conservação e com risco zero de contaminação, tanto de pessoas quanto do ambiente por onde as amostras transitam. 

Este apoio tem período inicial de três meses, podendo ser renovado, a critério da RedeVírus MCTIC.

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍCIA
Marido tenta agredir esposa ao saber que ela não tinha dinheiro para comprar pinga
PREVENÇÃO
Opas defende isolamento social como melhor opção de combate à covid-19
COVID-19
Corpo da primeira vítima de coronavírus em MS é liberado para enterro; funerária diz que não haverá velório
BRASIL
Receita libera entrada de 500 mil testes de Covid-19 em tempo recorde