Menu
Busca sexta, 04 de dezembro de 2020

Empresário é autuado em R$ 26,5 mil por derrubada de madeira

Empresário é autuado em R$ 26,5 mil por derrubada de madeira

16 fevereiro 2012 - 10h00Por PMA
Policiais Militares Ambientais de Miranda realizavam fiscalização por volta das 16 horas de quarta-feira, na fazenda Nossa Senhora Aparecida e autuaram um empresário por derrubada de 53 árvores da espécie “aroeira” (madeira protegida por lei) sem autorização ambiental.

Ele tinha uma licença do DNPM – Departamento Nacional de Produção Mineral para explorar calcário no local, porém, não possuía as licenças ambientais, principalmente para a derrubada da madeira, que é imune de corte.

O empresário de 50 anos, residente em Miranda foi multado em R$ 26.500,00. A madeira foi apreendida. O empresário responderá por crime ambiental e poderá pegar pena de 01 a 02 anos de reclusão.

A portaria 83 N de 1991 do IBAMA proíbe o corte da “aroeira” e algumas outras espécies de madeiras nobres, sem plano de manejo, que precisa ser aprovado pelos órgãos ambientais. Inclusive, em desmatamentos autorizados, essas espécies não podem ser cortadas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Com destaque para soja e açúcar, exportações de MS somam US$ 5,4 bilhões de janeiro a novembro
SAÚDE
Hemosul entra em estado de emergência e convoca doadores de sangue O+, A+, B+ e O-
ECONOMIA
Ministro quer aprovação do novo marco regulatório do gás este ano
PROSSEGUIR
No MS 22 municípios estão na bandeira vermelha e dois na cinza