Menu
Busca quinta, 25 de fevereiro de 2021

Estado recorre sobre apreensão de mercadorias

Estado recorre sobre apreensão de mercadorias

31 agosto 2011 - 12h24Por Correio do Estado
Está em pauta no Órgão Especial de ontem (31) os Embargos de Declaração em Agravo Regimental em Pedido de Suspensão de Liminar interpostos pelo Estado de Mato Grosso do Sul contra a empresa do comércio varejista B2W, formada pelas Americanas e Submarino.

O Estado questiona decisão nos autos de Agravo Regimental interposto pela empresa que suspendeu a liminar antes concedida e garantiu que mercadorias provenientes do comércio eletrônico não fossem apreendidas pela Fazenda Estadual para exigir a cobrança de percentual de ICMS alegado pelo Estado.

Nos Embargos, o Estado alegou omissão e obscuridade da decisão, afirmando que não foi realizada a necessária diferenciação da situação da liberação das mercadorias, se para as já apreendidas ou a impossibilidade de apreender mercadorias futuras. Requer assim que seja suprida a omissão e obscuridade apontada a fim de negar provimento ao agravo regimental e assim manter a liminar anteriormente concedida no Pedido de Providência.

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍTICA
Lira: PEC deve se ater a imunidade por excessos de opinião, voz e voto
SANTA RITA DO PARDO
Polícia Civil realizada a incineração de 74kg de pasta base de cocaína
POLÍTICA
Sem consenso, votação da PEC Emergencial é adiada para terça-feira
JUSTIÇA
Fachin manda juiz analisar recurso de Lula contra provas da Odebrecht