Menu
Busca quarta, 25 de novembro de 2020

Evento aponta cenarios e tendencias do agronegócio para 2012

Evento aponta cenarios e tendencias do agronegócio para 2012

22 novembro 2011 - 17h15
Divulgação (TP)

Na próxima sexta (25), a Federação de Agricultura e Pecuária de MS (Famasul) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) realizam o seminário MS Agro – Desafios para Competitividade do Agronegócio de MS. O evento, com inscrição gratuita, conta com palestras que irão abordar os cenários econômicos do país e do mundo e quais as tendências para 2012.



Em sua segunda edição, o MS Agro traz palestrantes nacionais que vão orientar sobre quais os desafios que produtores rurais, investidores e profissionais da área podem se deparar no próximo ano. O seminário acontece na sede da Famasul e conta com o apoio da Aprosoja, Bolsa Brasileira de Mercadorias (BB&M), Banco do Brasil, Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/MS), Sebrae/MS e Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB/MS).


As vagas para participação do evento são limitadas. A ficha de inscrição pode ser acessada no site da Famasul. As inscrições também podem ser feitas pelo telefone 3043-5219.




Programação:

7h30 – Credenciamento

8h30 – Abertura – Pronunciamento do presidente da Famasul, Eduardo Riedel.

9 hs – 1ª Palestra: “Desafios para a Agricultura em 2012”, com André Pessoa, engenheiro agrônomo pela Universidade Federal de Viçosa-MG, mestre em Economia Agrícola pela ESALQ/USP, sócio-diretor da Consultoria Agroconsult e idealizador do Rally da Safra.

10 hs – Palestra: “Desafios para a Pecuária em 2012”, com Sérgio De Zen, engenheiro agrônomo, mestre e doutor em Economia Aplicada pela Esalq/USP, professor da Esalq/USP e pesquisador do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea).

10h45 – 3ª Palestra: “Cenário MacroEconômico para o Agronegócio em 2012”, com Geraldo Sant’Anna de Camargo Barros, engenheiro agrônomo e doutor em Economia (North Carolina State University at Raleigh). É professor da USP e coordenador científico do CEPEA, consultor do World Bank, Food and Agriculture Organization (FAO) e da Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM&F).

11h30 – Mesa Redonda

12hs – Encerramento

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Pessoas que contraíram covid-19 podem doar sangue após 30 dias
POLÍCIA
Três pessoas são presas na Capital em posse de camionete furtada em Camapuã
ECONOMIA
Caixa planeja abrir banco digital em seis meses
REGIÃO
Polícia Militar Ambiental de Bonito autua arrendatário de fazenda em R$ 124 mil