Menu
Busca domingo, 24 de janeiro de 2021

Família de menino atropelado pede ajuda para tratamento

10 agosto 2012 - 13h30
A Gazetanews


No último dia 01, um acidente ocorrido na Avenida Pedro Manvailler, em frente a São Luiz tintas causou comoção entre a população de Amambai.

Uma motocicleta Honda Titan com placa de Amambai, pertencente ao militar do exército Kristhian Roque Colman, de 20 anos, causou o atropelamento do menino Lyncon Maciel do Amaral de 06 anos.

Segundo uma tia do menino, o estado de saúde da criança é gravíssimo, Lyncon se encontra internado na unidade de terapia intensiva (UTI) em coma apresentando altos níveis de pressão intracraniana, o que impossibilita a realização de qualquer intervenção médica antes que essa situação seja revertida.

No momento do acidente, o menino Lyncon foi encaminhado para o Hospital Regional de Amambai e posteriormente removido para o Hospital da Vida em Dourados, devido o alto grau de risco que a criança corria, foi necessário a sua transferência para o a UTI do Hospital Universitário, onde se encontra internado até hoje.

Os pais do menino permanecem ao lado da criança praticamente o tempo todo sendo impossibilitados de trabalharem, por esse motivo, a família e amigos do casal criaram uma conta no Banco do Brasil para que todos que possam estar sendo solidários com a situação possam estar vindo a ajudar os pais do pequeno garoto a estarem levantando fundos de ajuda.

Toda a verba arrecadada será revertida para o custeio da permanência dos pais do menino na cidade de Dourados, o fato da família não possuir conhecidos na cidade, os obriga a estarem se instalando em hotéis, o dinheiro arrecadado estará servindo ainda para pagar o tratamento do menino após a sua saída do hospital, os médicos alertaram a família quanto à necessidade da realização de tratamentos específicos como Fisioterapia, Fonoaudiologia entre outros.
A conta que estará recebendo as doações é:
Banco do Brasil, A Agencia 391-3 conta poupança 90616-6 variação 59 em nome de Deolinda Gonçalves Correa Maciel, mãe do menino.

A mãe do menino Deolinda Gonçalves e o pai Elodir Dias do Amaral popular “Budi” agradecem a colaboração de todos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Ainda sem aprovação do Orçamento 2021, governo deve controlar gastos
SAÚDE
Estados brasileiros começam a receber vacina de Oxford
SAÚDE
Número de casos de Covid-19 continua alto na maioria das cidades do Estado
NOTÍCIAS
Prêmio Sesc de Literatura abre inscrições para obras inéditas