Menu
Busca domingo, 29 de novembro de 2020

Ganso diz que não sai e escancara briga de clube e investidor

07 agosto 2011 - 21h22Por Lancepress
O meia Paulo Henrique Ganso afirmou neste domingo, logo depois da vitória do Santos sobre o Ceará, por 1 a 0, no Pacaembu, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro, que não vai deixar o time alvinegro.

O jogador lembrou que a briga que ainda complica sua renovação é entre o clube e a DIS, dona de 45% do seu passe, mesma fatia do Santos.

"O torcedor santista tem que saber que a briga é entre DIS e Santos. E não Ganso e Santos. Eu já dei minha palavra e posso garantir para toda a nação santista que não vou sair", disse o meia.

O presidente do Santos, Luis Alvaro Ribeiro, tem feito duras críticas aos procuradores do atleta que, segundo ele, querem tirar o atacante do clube de qualquer forma.

Além disso, os dirigentes santistas apostam no "caráter" do jogador para impedir uma possível transferência para o Corinthians.

Ganso não esconde da diretoria do Santos que mantém o sonho de jogar no futebol europeu. Para isso, o Corinthians poderia ser usado como uma "ponte", já que o time da Vila Belmiro dificulta de todas as formas sua saída.

Ontem, o jogador teve mais uma atuação apagada. Pouco inspirado, o camisa 10 ainda perdeu um gol feito, sem goleiro, no fim da primeira etapa. Ainda assim, comemorou a vitória simples e o início da recuperação no Brasileiro.

"Nossa equipe é vencedora, vinha de três derrotas. Jogava bem, mas não conseguia vencer. Não jogamos bem, mas a vitória foi mais importante", afirmou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
Briga de vizinhos acaba com um morto espancado
ECONOMIA
Caixa paga auxílio emergencial para nascidos em maio
INTERNACIONAL
Papa nomeia novos cardeais, entre eles o primeiro afro-americano
DETRAN
Contran revoga Resolução que interrompia prazos de serviços e divulga calendário para CNH