Menu
Busca sábado, 04 de julho de 2020

Ganso diz que não sai e escancara briga de clube e investidor

07 agosto 2011 - 21h22Por Lancepress
O meia Paulo Henrique Ganso afirmou neste domingo, logo depois da vitória do Santos sobre o Ceará, por 1 a 0, no Pacaembu, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro, que não vai deixar o time alvinegro.

O jogador lembrou que a briga que ainda complica sua renovação é entre o clube e a DIS, dona de 45% do seu passe, mesma fatia do Santos.

"O torcedor santista tem que saber que a briga é entre DIS e Santos. E não Ganso e Santos. Eu já dei minha palavra e posso garantir para toda a nação santista que não vou sair", disse o meia.

O presidente do Santos, Luis Alvaro Ribeiro, tem feito duras críticas aos procuradores do atleta que, segundo ele, querem tirar o atacante do clube de qualquer forma.

Além disso, os dirigentes santistas apostam no "caráter" do jogador para impedir uma possível transferência para o Corinthians.

Ganso não esconde da diretoria do Santos que mantém o sonho de jogar no futebol europeu. Para isso, o Corinthians poderia ser usado como uma "ponte", já que o time da Vila Belmiro dificulta de todas as formas sua saída.

Ontem, o jogador teve mais uma atuação apagada. Pouco inspirado, o camisa 10 ainda perdeu um gol feito, sem goleiro, no fim da primeira etapa. Ainda assim, comemorou a vitória simples e o início da recuperação no Brasileiro.

"Nossa equipe é vencedora, vinha de três derrotas. Jogava bem, mas não conseguia vencer. Não jogamos bem, mas a vitória foi mais importante", afirmou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CRIME AMBIENTAL
PMA desmonta acampamento de pescadores e apreende petrechos ilegais
CAMPO GRANDE
1ª Câmara Criminal nega recurso de condenado por usar CNH falsa
SAÚDE
Brasil passa da marca de 1,5 milhão de casos confirmados de covid-19
ESPORTE
Grande Prêmio do Brasil de F1 pode ser cancelado