Menu
Busca quarta, 30 de setembro de 2020

Homem é atropelado e arrastado 10 m por motocicleta

Homem é atropelado e arrastado 10 m por motocicleta

18 janeiro 2012 - 17h46Por CG News
Um homem foi atropelado e arrastado por cerca de 10 metros por um motociclista na tarde de ontem, quando cruzava a avenida Costa e Silva, em frente ao Corpo de Bombeiros, em Campo Grande. Ele atravessava sentido UFMS, quando foi atingido pela motocicleta Twister 250, preta.

Sem identificação, ele foi encaminhado em estado grave pelo Samu para a Santa Casa. O motociclista, Abelardo Gomes Colman, 31 anos, foi atendido pelos bombeiros e levado para a UPA do Universitário com leves escoriações e sentindo dores nas pernas.

Pedaços da motocicleta estavam por toda via. Segundo o tenente do Corpo de Bombeiros, Lenirdo Pedroso, indícios de que a velocidade do motociclista era considerável.

Depois do impacto da batida, a motocicleta saiu raspando pelo meio-fio o lado esquerdo. Até o velocímetro desmanchou e ficou pelo gramado do canteiro.

De acordo com os bombeiros, tanto o condutor como a vítima, foram parar 10 metros após a colisão.

O acidente foi visto de perto por Fabiano dos Santos, 18 anos. Trabalhador rural, ele acertava um emprego quando o patrão até comentou que um bêbado vinha descendo a via.

“Ele já tinha bebido sim, pelo jeito que andava, meu patrão até falou olha lá esse descendo. Mas foi tudo uma questão de segundos, o motoqueiro veio e não conseguiu tirar”, conta.

Primo do motorista, o montador de móveis Adilson da Silva, 39 anos, disse que Abelardo está bem. “A preocupação dele é só com o homem. Ele tentou desviar e quando estava tirando já o rapaz voltou para trás”, explica.

Na esquina não há faixa de pedestre, embora até tenha um semáforo. “Ele só fecha quando sai viatura de emergência do quartel, fora isso o fluxo é livre”, ressalta o tenente Pedroso.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Justiça Federal manda soltar acusados de invadir celular de Moro
ECONOMIA
Antecipação do INSS poderá ser pedida sem limitação de distância
ECONOMIA
Déficit primário do Governo Central atinge R$ 96,1 bilhões em agosto
NOTÍCIAS
1ª Câmara Cível considera regular a devolução de bem à revendedora