Menu
Busca sábado, 16 de janeiro de 2021

Jovem preso após tentar matar rapaz no centro de Mundo Novo

Jovem preso após tentar matar rapaz no centro de Mundo Novo

18 setembro 2011 - 22h09Por PM
Um jovem que havia tentado matar um casal de namorados na tarde de domingo (18) na região central de Mundo Novo, foi detido por volta das 17 horas em uma reserva florestal localizada dentro da área do Destacamento do Exército Brasileiro por militares que participam da Operação Ágata II.

O adolescente de 17 anos, que reside na cidade paranaense de Cascavel, teria sido contratado por um amigo também morador do vizinho Estado, para matar um rapaz de 25 anos, morador em Mundo Novo e saiu recentemente da cadeia após cumprir pena por homicídio e que havia sido detido no dia 11 deste mês, em uma lanchonete, juntamente com a namorada, por porte ilegal de arma.

Os dois rapazes chegaram a Mundo Novo na sexta-feira (16) e se hospedaram em um hotel, passando a vigiar a vítima, até que na tarde de domingo, quando avistaram a vítima passeando de motocicleta com a namorada por uma das avenidas, passaram a efetuar disparos de revólver em sua direção. A vítima, que não foi alvejada, conseguiu fugir e a dupla roubou o veículo Gol de uma mulher e saiu em alta velocidade, até perder o controle do carro e colidir com um monte de terra, que estava ao lado da guia da calçada e que seria usada na obra de uma casa do Bairro São Jorge.

Eles então saíram correndo a pé com arma em punho, sendo que três policiais militares estavam em seu encalço. A dupla conseguiu se esconder em meio à reserva florestal do Exército, sendo que os policiais solicitaram apoio ao comandante da tropa, que de imediato enviou os soldados ao local onde os meliantes havia se escondido.

Após uma varredura no local, o menor foi localizado, portando um revolver calibre 38, com nove munições intactas. Ele foi apreendido e entregue a equipe do Terceiro Pelotão da PM de Mundo Novo, que pó encaminhou até a Cadeia Pública de Mundo Novo. Até as 19 horas de domingo, os militares do Exército continuavam o trabalho de busca ao indivíduo, que tinha ao seu favor o fato de se tratar de um local de mata fechada.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CUIDADO
Janeiro Branco e os cuidados com saúde emocional em meio a uma pandemia
SELVÍRIA
Paulista é autuado por derrubada de árvores e incêndio ilegal da vegetação nativa
CORONAVÍRUS
Em 24 horas MS registra 1.316 exames positivos de Covid-19 e 13 mortes
JUSTIÇA
Senacon adotas medidas para combater comércio de vacinas falsificadas