Menu
Busca segunda, 25 de janeiro de 2021

Jovens e terceira idade são os que mais adquirem cartões

11 maio 2012 - 11h06Por Dourados News
Pesquisa da Abecs (Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços), encomendada ao Instituto Datafolha, revela que a posse de cartões de pagamento vem crescendo de forma mais expressiva entre os consumidores jovens e os da terceira idade. Segundo o estudo, realizado em 11 capitais brasileiras, 71% dos entrevistados entre 18 e 24 anos de idade afirmaram possuir pelo menos um meio eletrônico de pagamento na carteira – cartão de crédito, de débito ou de rede/loja. Em 2009, esse índice era de 65%. Já entre as pessoas com 60 anos ou mais, o crescimento nos últimos anos foi ainda maior: a posse de cartões subiu de 52% para 68%, de 2009 a 2011. A pesquisa mostra ainda que, embora o incremento seja maior nos extremos etários, a posse de cartão ainda é maior nos grupos de 25 a 34 anos (79%) e d e 35 a 44 anos (76%). A Abecs acredita que a utilização do cartão como forma de pagamento tem ganhado cada vez mais espaço principalmente por conta de seus benefícios, como a praticidade e a segurança.

Sobre a Abecs

A Abecs (Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços) é uma entidade sem fins lucrativos, que, desde a sua criação em 1971, atua em prol da expansão sustentável do mercado de meios eletrônicos de pagamento no Brasil. Seu quadro associativo corresponde a 95% do setor e reúne os principais players, entre emissores, credenciadoras, bandeiras e processadoras. As atribuições e prerrogativas da entidade incluem o desenvolvimento e a implantação do Código de Ética e Autorregulação, que estabelece as normas éticas que norteiam as relações de suas associadas com a sociedade. Com vistas ao crescimento sustentável do contingente de portadores, a Abecs mantém um programa de educação financeira voltado para o usuário final dos meios eletrônicos de pagamento.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Brasil tem quase 30 mil novos casos de hanseníase por ano
CONTRABANDO E CRIME AMBIENTAL
Goiano é autuado pela PMA e preso por Policiais Militares com agrotóxicos do Paraguai
JUSTIÇA
Estudante que ficou três anos sem diploma será indenizada
CASSILÂNDIA
Polícia Militar prende mulher por agredir marido