Menu
Busca quarta, 20 de janeiro de 2021

Mesmo com mudanças na regra, captação da poupança da Caixa triplica em maio

04 junho 2012 - 09h43Por Infomoney
Mesmo com as mudanças anunciadas no início de maio (que passaram a valer a partir do dia 4), os investidores não deixaram de investir na poupança - pelo contrário. De acordo com dados da Caixa Econômica Federal, a captação líquida (diferença entre depósitos e saques) da poupança do banco atingiu R$ 2,6 bilhões, equivalente a mais de três vezes o volume captado no mesmo mês do ano passado.

No ano, a captação já acumula R$ 5 bilhões, o que representa 62% do total captado pelo mercado, segundo dados do Banco Central (posição dia 28 de maio).

Para o vice-presidente de Pessoa Física da Caixa, Fábio Lenza, a captação liquida da poupança registrada nos primeiros dias após as novas regras de remuneração pode ser atribuída, em parte, pela rentabilidade de maio, em torno de 72% do CDI, e pela forma positiva como a população recebeu a mudança. “Houve uma rápida compreensão da população de que a nova regra da poupança mantém a atratividade do produto, é favorável ao poupador e necessária ao país”, afirma.

Entenda

Pelas novas regras da poupança, sempre que a Selic estiver em 8,5% ao ano ou menos o rendimento será calculado em 70% da Selic mais TR (Taxa Referencial). Se a Selic estiver acima de 8,5% a.a., nada muda e a rentabilidade continua em 0,5% ao mês mais TR.

Como o Copom (Comitê de Política Monetária) decidiu reduzir a Selic para 8,5% a.a. na última reunião (encerrada no dia 30 de maio), a partir de ontem (31) passou a valer a nova regra.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Fiocruz admite possível atraso na produção da vacina
EMPREGO
Funtrab está com vagas com salários de R$ 3 mil nas áreas de farmácia e logística
TEMPO
Temperaturas sobem um pouco, mas instabilidades se mantém nesta quarta-feira
SAÚDE
Saúde alerta sobre ligações e SMS falsos de cadastro para vacinação