Menu
Busca sábado, 26 de setembro de 2020

Mulher é presa depois de xingar e morder policial

Mulher é presa depois de xingar e morder policial

29 janeiro 2012 - 10h36Por Midiamax
Leonora Cano, 29 anos, foi presa na madrugada deste domingo, por volta das 3h40, por ter desacatado um policial. A mulher e Adão Boni, de 54 anos, estavam no veículo VW Gol, placas HRZ 7923, que teria estacionado em frente ao Batalhão Militar onde começaram a discutir chamando a atenção dos policiais.

Os policiais foram até o carro para ver o que estava acontecendo. Segundo o boletim de ocorrência, o homem contou que eles estavam em um baile e que havia ingerido três latinhas de cerveja. Ainda conforme o homem, o casal estava indo embora para casa, e que eles estavam discutindo, e que a mulher havia dito que iria matá-lo.

A mulher disse que Adão teria lhe dado um tapa no rosto. Diante disso, o policial disse que o casal deveria ir até a delegacia para as providências cabíveis. Neste momento, a mulher reagiu e começou a xingar os policiais.

O policial de voz de prisão a mulher por desacato e ainda mais exaltada passou a desferir tapas nos militares e deu uma mordida em um deles.

A ocorrência foi remetida ao Juizado Especial Criminal desta Comarca.

Deixe seu Comentário

Leia Também

INCÊNDIOS
Governo federal libera mais R$ 1,3 milhão para MS combater incêndios no Pantanal
MARACAJU
Menina procura a avó e diz que foi obrigada a ver filmes pornográficos
JUSTIÇA
Celso de Mello antecipa aposentadoria do STF
CAARAPÓ
Policiais civis prendem jovem e comparsa suspeitos de tráfico de drogas