Menu
Busca sexta, 22 de janeiro de 2021

OAB critica criação de tribunais especiais durante a Copa do Mundo

OAB critica criação de tribunais especiais durante a Copa do Mundo

11 outubro 2011 - 15h10
Última Instância

O presidente nacional da OAB, Ophir Cavalcante, criticou nesta terça-feira (11/10), a proposta da FIFA de instalar em 2014, durante a Copa do Mundo no Brasil, uma câmara temporária de Justiça para tratar de problemas que ocorram durante a competição. Para Ophir, "essa é uma exigência despropositada da FIFA e que demonstra a soberba como a entidade age em nível mundial, querendo impor em função de um evento importante regras que ferem a soberania nacional".

Na opinião da OAB, o Brasil não pode ceder a esse tipo de pressão. "Temos uma justiça muito eficaz e que certamente, em regime de plantão, pode atuar nos casos que forem submetidos à sua apreciação. Não há a necessidade de rito especial para análise de casos envolvendo torcedores e a própria FIFA durante a competição em 2014", afirmou Ophir.

Segundo ele, a responsabilidade do governo brasileiro e da própria CBF pode ser contratualmente ajustada sem que isto signifique dizer que o Brasil terá que renunciar a sua soberania para fazer prevalecer a vontade de uma entidade internacional.

Ao concluir, o presidente nacional da OAB afirmou que a FIFA não tem essa representatividade para exigir a criação de novos instrumentos no ordenamento jurídico de cada país.

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVA ANDRADINA
Polícia Militar Rodoviária localiza 1,3 tonelada de drogas escondidas que seguiriam para MG
EDUCAÇÃO
Termina nesta sexta-feira o último período de Efetivação das Matrículas na Rede Estadual
ECONOMIA
Nascidos em outubro podem sacar auxílio emergencial a partir de hoje
TEMPO
Final de semana será de tempo nublado com pancadas de chuva