Menu
Busca quinta, 24 de maio de 2018
(67) 9.9973-5413
GOVERNO DO ESTADO

Obra de pavimentação da Estrada Ecológica avança e impulsiona turísticos

12 fevereiro 2018 - 14h05
Valorização dos imóveis, autoestima da população e visita de empresários em busca de oportunidades de ampliar seus negócios no turismo são exemplos de transformação de uma região rica em recursos naturais com a chegada do asfalto na MS-450, entre os distritos de Palmeiras (Dois Irmãos do Buriti) e Camisão (Aquidauana). A obra em execução foi autorizada em agosto do ano passado pelo governador Reinaldo Azambuja.

Após o período chuvoso entre dezembro e janeiro, a empreiteira contratada retomou o ritmo do serviço e atualmente 60 operários trabalham em duas frentes – o primeiro trecho de um total de 18,7 km, entre Camisão e Piraputanga, está com a terraplenagem praticamente concluída e recebe intervenções de drenagem de águas pluviais. Na outra ponta, entre Palmeiras e Piraputanga, a empresa já posiciona maquinários para iniciar a abertura da estrada.

Com 55 km de extensão, do trevo com a BR-262 ao centro de Aquidauana, a MS-450 é o único acesso aos distritos privilegiados pelos recursos naturais situados no entorno dos paredões de arenito da Serra de Maracaju cortados pelo rio Aquidauana, que dividem planalto e planície, e a antiga ferrovia. O local é muito visitado por pescadores e amantes de esportes radicais, como ciclismo e escaladas, e conta com estrutura de hotéis, pousadas e pesqueiros.

A obra de R$ 17,6 milhões (recursos do Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviário do Estado de Mato Grosso do Sul – Fundersul) começa a mudar o cenário de uma região também de produção agropecuária. É grande a movimentação de máquinas e operários para superar obstáculos naturais e cumprir o prazo de entrega. O encarregado da empreiteira, Luiz Eustáquio, informou que a chuva atrapalhou o andamento do serviço, mas a meta é concluir o asfalto em sete meses. O projeto inclui ainda uma ponte de concreto no córrego das Antas.

Com 55 km de extensão, do trevo com a BR-262 ao centro de Aquidauana, a MS-450 é o único acesso aos distritos privilegiados pelos recursos naturais situados no entorno dos paredões de arenito da Serra de Maracaju cortados pelo rio Aquidauana, que dividem planalto e planície, e a antiga ferrovia. O local é muito visitado por pescadores e amantes de esportes radicais, como ciclismo e escaladas, e conta com estrutura de hotéis, pousadas e pesqueiros.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CULTURA
Brô MCs se apresenta no Festival da América do Sul
GERAL
Em aúdio vazado, ministros do STF criticam greve durante sessão
COTAÇÃO
Dólar interrompe sequência de três quedas e fecha em alta nesta quinta-feira, a R$ 3,64
PONTA PORÃ
40kg de maconha são apreendidos em veículo Ford/Focus